INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Japão: Cidadão oferece supercarro à polícia 21 Junho 2018

A polícia de Tochigi, farta de ver fugir-lhe infratores a 280 e mais km, dispõe, desde esta 3ª semana do mês das cerejas, dum supercarro que custou a nada módica quantia de um milhão de ienes. Generosidade dum cidadão!

Japão: Cidadão oferece supercarro à polícia

Um executivo japonês de 64 anos ofereceu um superveloz Nissan R35 à polícia da sua cidade, Tochigi. O modelo exclusivo foi concebido para a polícia de trânsito, com design inspirado no desportivo GT-R.

A polícia tem agora um topo de gama para patrulhar as ruas e rodovias da cidade e prefeitura de Tochigi, onde os endinheirados donos de supercarros em velocidades ilegais estonteantes escapavam impunes.

“Estou certo de que este carro vai ajudar na prevenção de acidentes na estrada”, disse o executivo cujo nome não foi revelado e que pagou um milhão de ienes (c.864 milhões CVE).

A cidade e prefeitura homónima tem vindo a ser notícia na imprensa local devido ao grande número de acidentes devidos ao excesso de velocidade dos seus carros topo de gama.

Um caso extraordinário foi o dum Dodge que seguia a 280 km/h e só ao fim de dois anos a polícia pôde deitar a mão ao infrator. A partir de agora, diz a polícia, com o Nissan R35 nenhum topo de gama superveloz escapará às garras da lei.

O Japan Times noticiou esta segunda-feira que o supercarro já está a patrulhar as ruas de Tochigi, situada a apenas 115 km a norte de Tóquio. A primeira referência a esta histórica cidade está nas cartas do jesuíta São Francisco Xavier, que se lhe refere em 1549 como a mais antiga ‘universidade do Japão’, de facto uma escola superior que desde o século nono formava os monges budistas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert
Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project