INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Japão a entrar na 4ª vaga: Vacinação não terá grande impacto 03 Abril 2021

No sábado, 3, o Japão confirmou 2.761 novos casos, alguns dos quais detetados entre passageiros aéreos em quarentena. As mortes ligadas ao coronavírus passaram de 22 para 28 nas últimas 24 horas. A nível nacional, o número de pacientes em estado crítico subiu de 14 para 394 na sexta-feira e 408 no sábado. A três meses das Olimpíadas, as autoridades emitem novas instruções para excluir da Aldeia Olímpica familiares e outros acompanhantes.

Japão a entrar na 4ª vaga: Vacinação não terá grande impacto

Tóquio registou 446 novos casos no sábado, contra os 430 de sábado, 27 e os 342 de sábado 27, ou seja a média semanal de infeções aumentou 15 por cento na capital, com um total de 121.901.

A faixa etária com mais pacientes hospitalizados na capital, nos últimos sete dias, foi a dos 20-29 anos, com 131. Seguem-se a dos 30-39 anos, com 79, a dos 40-49 anos, com 67 e os acima dos 65 com 64 casos.

Osaka com 666 novos casos no sábado, 3, por seu turno também regista um aumento que esta semana representa mais do dobro em relação à capital.

Reforço das medidas 3 na 4ª vaga: não prioriza vacina

As autoridades na iminência da quarta vaga implementaram medidas restritivas, que incluem horas de circulação, dever de justificar a presença em certos locais e multas para os infratores.

As restrições vão ter início na segunda-feira 5 e prolongam-se até 05 de maio, nas seis cidades indicadas até agora: Osaka, Kobe, Sendai e três cidades na prefeitura de Hyogo — Nishinomiya, Amagasaki e Ashiya.

O reforço das medidas sanitárias — de testagem, higienização, distanciamento social — é uma das principais apostas das autoridades nipónicas no momento em que a nível mundial, o plano de vacinação anti-Covid está a mostrar os seus pontos fracos.

Aliás, o Império do Sol Nascente destaca-se como um país que desconfia muito das vacinas, não obstante estar entre os países mais desenvolvidos. Os inquéritos globais sobre a vacinação demonstram essa desconfiança, embora os motivos ainda não tenham sido elucidados.

O mapa global da vacinação coloca o Japão no grupo de países que vacinou menos pessoas. Regista menos de 5 por cento de vacinados, como Cabo Verde.

O Japão regista hoje (sábado, 03) 480.165 casos — na posição 39ª dos 131 milhões de casos de infeção— e 9.213 óbitos devidos ao coronavírus. A taxa de letalidade (número de pessoas mortas por Covid em cada um milhão) é de 73 no Japão e de 305 em Cabo Verde.

As bi-anfitriãs das Olimpíadas entre 1896 e 2020

Tokyo’20 representa uma grande honra para a capital japonesa: é uma das cinco únicas cidades globais escolhidas para organizar pela segunda vez as Olimpíadas da Era Moderna.

Atenas 1896 e 2004. Paris 1900 e 1924. Los Angeles em 1932 e 1984. Londres 1948 e 2012. Tóquio 1964 e 2020.

Fontes: COI/Japan Times/Worldometers/OurWorldInData.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project