ESCREVA-NOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

José Maria Neves escreve sobre a morte do jovem Luís Giovani: Sinto-me revoltado e triste 06 Janeiro 2020

O ex-Primeiro-ministro de Cabo Verde,José Maria Neves, diz, num post que publicou na página de facebook, ter ficado revoltado e triste com a morte, por espancamento em Portugal, do jovem Luís Giovani. Por isso, Neves defende que as autoridades devem fazer tudo para responsabilizar aqueles que cometeram tão ignominioso ato.«Conquanto saiba que nada poderá reparar tamanha perda, as autoridades portuguesas, todavia, devem tudo fazer para elucidar esse hediondo crime e responsabilizar exemplarmente aqueles que cometeram tão ignominioso ato». Para mais detalhes, leia o post referido, que publicamos a seguir.

José Maria Neves escreve sobre a morte do jovem Luís Giovani: Sinto-me revoltado e triste

Sinto-me revoltado e triste.

Luís Giovani dos Santos Rodrigues, 21, jovem estudante caboverdiano, dos Mosteiros, Ilha do Fogo, foi brutalmente espancado na Cidade de Bragança - Portugal, para onde tinha ido, em outubro passado, estudar.

Acabou por falecer, dez dias depois, a 31 de Dezembro último, no Hospital de Santo António, no Porto. As circunstâncias da morte de Giovani - foi selvaticamente atacado por 15 rapazes, armados com ferros, paus e cintos - são abomináveis. Revelam, no mínimo, intolerância e elevado nível de violência.

Conquanto saiba que nada poderá reparar tamanha perda, as autoridades portuguesas, todavia, devem tudo fazer para elucidar esse hediondo crime e responsabilizar exemplarmente aqueles que cometeram tão ignominioso ato.

Aos pais, Joaquim Rodrigues e Marcelina dos Santos Martins, ao Município dos Mosteiros, aos familiares e amigos, as minhas sentidas condolências.

Que descanse em paz, Giovani!

José Maria Neves

(Post publicado na sua página de facebook)

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project