LEITURA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Literatura: Biblioteca Nacional vai reeditar cinco obras de autores cabo-verdianos sendo “Chuva Braba” e “Contra Mar e Vento” as primeiras 24 Mar�o 2022

A presidente do concelho administrativo da Biblioteca Nacional de Cabo Verde (BNCV) anunciou, esta quarta-feira, a reedição de, no mínimo, três a cinco títulos dos autores cabo-verdianos que não estão disponíveis no mercado.

Literatura: Biblioteca Nacional vai reeditar cinco obras de autores cabo-verdianos sendo “Chuva Braba” e “Contra Mar e Vento” as primeiras

Matilde Santos fez, segundo a Inforpress, este anúncio em declarações à imprensa durante a assinatura do protocolo com os Correios e após questionada sobre as reedições de obras anunciadas pela BNCV em 2019, mas que passaram para 2021 e que agora serão possíveis em 2022.

“Um deles será já nos próximos meses, pois, estamos na última fase de revisão e trata-se de Chuva Braba, de Manuel Lopes, e o outro é o Contra Mar e Vento, de Teixeira de Sousa”, disse, realçando ainda a edição de outras obras no decorrer do ano.

Tratando-se de uma missão da BNCV, o instituto quer com isso, segundo aquela responsável, contribuir para a promoção do livro e da leitura e trazer ao público os clássicos cabo-verdianos esgotados.

Na ocasião do seu empossamento, em 2021, Matilde Santos prometeu continuar a apostar na melhoria dos serviços da Biblioteca Nacional, com enfoque na sua qualidade, identificar e trazer as distintas obras de literatura cabo-verdiana que se encontram disseminadas tanto no país como na diáspora.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project