LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Luanda Leaks": Justiça abre a porta a acordo com Isabel dos Santos 03 Julho 2020

Isabel dos Santos e a o marido, Sindika Dokolo, têm porta aberta para negociar com as autoridades de Angola um acordo no âmbito dos processos em que são acusados de abuso de dinheiros públicos. O estado angolano reclama de ambos mais de 5 mil milhões de dólares (4,4 mil milhões de euros).

Luanda Leaks

De acordo com uma fonte da Procuradoria-geral de Angola ouvida pela agência Lusa, o casal pode tentar um acordo através de uma fase preliminar: "Os processos cíveis têm uma fase de conciliação onde as partes podem negociar ou transacionar se chegarem a um entendimento."

Já no âmbito do processo-crime no qual o procurador-geral de Angola, Hélder Pitta Grós, acusa Isabel dos Santos de má gestão e desvio de fundos na Sonangol, a antiga presidente da petrolífera está convocada para ser ouvida em presença e pode ser alvo de um mandado de captura internacional para o conseguir.

Fonte da PGR revelou agora à Lusa que essa audição em presença até pode acontecer em Portugal.

"Se está disposta a colaborar com a justiça, poderá não haver a emissão de um mandado de captura, mas essa colaboração passa por uma audição presencial que pode ser feita em Portugal ou outro país onde se encontrar", disse a fonte não identificada, explicando que essa audição pode ser solicitada através de uma carta rogatória.

Se o solicitar e cumprir, a filha do antigo presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, pode evitar o mandado de captura internacional. EN/Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project