Legislativas 2021

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Maio: Candidaturas apostam nos transportes para alavancar integração e desenvolvimento da ilha 06 Abril 2021

Volvidos quase uma semana de campanha eleitoral, os partidos MPD, UCID e PAICV direcionaram o foco à questão dos transportes na ilha, com um conjunto de propostas direccionadas a este sector e que sejam capazes de criar condições favoráveis ao desenvolvimento e dinamização da ilha, com o intuito de tirar a ilha do Maio do isolamento em que se encontra. Todos prometem criar condições favoráveis para melhorar a circulação dos transportes de e para a ilha.

Maio: Candidaturas apostam nos transportes para alavancar integração e desenvolvimento da ilha

A equipa da União Cabo Verdiana Independente e Democrática (UCID), contactou hoje os eleitores da localidade de Figueira, levando uma mensagem de "urgencia de mudança" e a visar partilhar a sua visão de desenvolvimento para a ilha do Maio.

No que tange às problemáticas dos transportes aéreos e marítimos, o candidato da UCID a deputado do Maio nas legislativas de 18 de abril, Albertino Rosa, garantiu que caso vencer as eleições, vai exigir, pelo menos dois voos semanais, visto que, conforme adianta, "apenas um voo não é suficiente para satisfazer as necessidades dos maienses". Também prometeu três viagens marítimas por semana,a priorizar duas com transportes de cargas, por forma a ajudar os produtores no escoamento dos seus produtos.

"Os produtores, muitas vezes ficam sem exportar os seus produtos para outras ilhas por falta de transportes. E isso influencia na produção, porque, mesmo que o produtor queira produzir em grande quantidade, não o faz, visto que não quer correr o risco de ver os seus produtos estragados por causa de uma má política em termos dos transportes marítimos”, salientou.

Com a intensificação dos contactos porta-a-porta, a plataforma eleitoral do MPD, cuja lista é encabeçada por Joana Rosa, quer continuar a melhorar os transportes, aéreos e marítimos a nível nacional e, particular e especialmente para a ilha do Maio.

Segundo o mandatário do Movimento para Democracia (MPD) Adilson Cardoso, a ilha está a ser contemplada com remodelação e espansão do porto, permitindo assim, ligações marítimas rápidas e diárias.

Segundo publicação de Joana Rosa nas redes sociais, os ganhos destes cinco anos de governação do MpD "foram evidentes", a realçar que a ilha ganhou "mais visibilidade" e ganhou "obras e acções importantes" para o seu processo de desenvolvimento.

A candidatura do PAICV, liderada por Edson Alves, promete resolver o problema dos transportes marítimos e aéreos de e para a ilha do Maio. Segundo o cabeça de lista do PAICV para o maio, Edson Alves, a resolução das dificuldades de ligações de e para o Maio será uma das primeiras medidas a serem tomadas por um Governo Tambarina, em caso de cenário favorável nas eleições de 18 de abril. ALves considera que só com ligações permanentes será possível catapultar o desenvolvimento do Maio para índices que coadunem com as potencialidades locais.

Assim, a candidatura do partido Tambarina, propõe que Maio venha a ter pelo menos três voos semanais (segunda, terça e quarta-feira), com "previabilidade e horário flexível para facilitar a vida das pessoas". “Têm-se criado uma dinâmica forte a nível do turismo interno, mas o custo dos voos são tão elevados, o que dificulta a que as pessoas visitem mais a nossa ilha”, continuou.

No que tange aos transportes marítimos, o candidato a deputado pelo PAICV propõe, também, três viagens por semana, “mas, viagens com qualidade tanto de passageiros como de produtos”, sendo duas viagens para passageiros e uma para escoamento dos produtos.

Às legislativas do dia 18 para a eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.

PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).

As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project