INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Mais sóbrios do mundo: nem Europa nem América 04 Janeiro 2020

A média mundial de consumo por pessoa segundo recente relatório da OMS atinge os 17 litros de álcool puro por ano. Essa média é obtida a partir da informação de que 38,3% da população mundial entre os 15 e os 64 anos consomem álcool. Os dados da OMS estão no mapa, no qual o vermelho dos países da ex-URSS — Bielorússia, Moldávia, Lituânia, Rússia, Roménia, Ucrânia, Andorra, República Checa, Eslováquia, Hungria — corresponde aos maiores consumidores de bebidas alcoólicas a nível mundial.

Mais sóbrios do mundo: nem Europa nem América

O vermelho é a cor do perigo no mapa da sobriedade, enquanto o verde de Timor-Leste — corresponde a 0,6 litros per capita anual — é o da moderação no consumo do álcool.

O amarelo do Brasil e de Angola correspondem respetivamente a 8,7 e 7,5 litros per capita anual, piores que Cabo Verde com 6,9.

Já na zona quase perigosa, o laranja carregado de Portugal corresponde a 12,9 litros o que o coloca como o cepelpiano mais alcoolizado.

Mas o Top-10 de consumidores é liderado pela Bielorússia, com 17,5 litros per capita anual. No outro extremo o líder da sobriedade é a Mauritânia com 0,1 litros. Seguem-se o Koweit, Líbia e Paquistão, todos com o mesmo valor: 0,1l. Com 0,2 l Comores, Arábia Saudita, Bangladesh. Com 0,3 l Nigéria, Iémene. Com 0,4 o Egipto. Com 0,5 l: Iraque, Somália. Com 0,6 l, Senegal, Indonésia e o cepelpiano Timor-Leste.

Fontes: https://www.who.int; https://www.ibtimes.co.uk/worlds-top-10-heaviest-drinking-nations.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project