Cultura

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Centro Cultural Cabo Verde: Maurício Vieira lança livro “Floresta” 01 Julho 2021

O Centro Cultural Cabo Verde, em Lisboa, acolhe, esta quinta-feira, 1 de julho, pelas 18 horas, o lançamento do livro do autor Maurício Vieira intitulado “Floresta”. A apresentação estará a cargo de António Carlos Cortez, com intervenções do autor e demais convidados. O evento contará com Sarau Poético, leituras e recitações.

Centro Cultural Cabo Verde:  Maurício Vieira lança livro “Floresta”

Floresta, segundo uma nota remetida à nossa redação, é um poema com temas sensíveis da natureza humana que, de forma abrupta, irrompem no universo infantil. “O pequeno-grande leitor se vê face a sentimentos intoleráveis, resistentes ao tempo, incompreensíveis aos olhos de uma criança”.

O autor desvela uma trajetória de desconstrução em busca do essencial."Escrevi o poema para crianças de 9 a 99 anos. Espero que os leitores se sintam atraídos pelas diversas formas de se embrenhar na Floresta e sair dela com alguma lição, mesmo que de estranhamento, para voltar e entrar por outra trilha, pois não é ruim se perder quando se busca algo diferente", conta Mauricio.

As ilustrações, com cores que se transformam bruscamente, revelam objetos ora em close, ora em planos panorâmicos. Os espaços em branco, propositais, são lacunas para serem preenchidas pela imaginação. Uma Floresta ilustrada que enriquece as múltiplas vias a serem percorridas. "A intenção é que o leitor faça muitas leituras e mergulhe cada vez mais nessas várias camadas", diz o ilustrador Jonathas Martins.

"O poema tem algo de busca interior, de se desprender e de se conectar ao mesmo tempo. Meu objetivo, por meio das imagens, foi propor essa jornada.Para entrar nessa Floresta há muitos caminhos, mas uma coisa é certa: você sairá encantado”, assegurou.

Floresta de Mauricio Vieira, Ilustrações de Jonathas Martins - 48 páginas

Conforme a fonte deste jornal, Mauricio Vieira é jardineiro de palavras, viveu em muitos lugares, mas sua casa é a poesia. Autor de ‘Arvoressências’ (Cultura) e Manual onírico de jardinagem (Glaciar), ‘A árvore oca’ (Ímã Editorial) e ‘La lyre africaine’ (teatro). Foi um dos integrantes da coletânea infantil ‘Conto em casa’ (Raiz), com o poema “A borboleta”. Participou de diversos encontros literários no Brasil, em Portugal e na França. Hoje organiza o ciclo internacional de leituras “A descoberta do outro” e edita a revista Arvoressências.

Jonathas Martins adorava rabiscar pessoas, bichos e paisagens. Em casa ou na escola, a paixão pelo desenho foi aumentando com o tempo e acabou desaguando em histórias cheias de personagens tagarelas. Seu primeiro livro ilustrado foi publicado em 2019, quando a escritora Andréa Apa o convidou para participar como coautor de ‘Boi na linha’ (Raiz). O livro marcou sua estreia numa aventura com tintas, pincéis e aquarelas, e acendeu a vontade de mergulhar mais fundo no imaginário das narrativas para a infância.

A Editora Raiz chegou ao mercado em junho de 2017 com o propósito de oferecer soluções editoriais para autores independentes. Presta serviços de edição, parecer de manuscritos, consultoria, criação de projetos e publicação. Tem como foco principal o enriquecimento do texto para incentivar a disseminação do conhecimento e da leitura. Seu diferencial está alinhado à satisfação daqueles para quem trabalha: autores e leitores.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project