LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

"Meu medo é que meu pai mate minha mãe": Carta do menino ao Pai Natal 14 Dezembro 2021

"Meu medo é que meu pai mate minha mãe", esta frase "conseguiu" chocar o Brasil infelizmente já habituado com a violência.

A carta do menino de onze anos ao Pai Natal começa assim: "Sonho rever o meu pai, meu medo é que meu pai mate minha mãe".

A carta foi encontrada entre centenas das que as crianças de Rondônia — a dois mil quilómetros da capital brasileira (foto do mapa) — escrevem pela quadra natalícia.

A iniciativa permite a crianças em situação de vulnerabilidade social fazer pedidos ao "Papai Noel". A população faz de Pai Natal ao adotar as cartinhas para presentear os meninos.

A Globo revelou este domingo que em Rondônia houve mais de 4,5 mil pedidos e que mais de 3,2 mil foram atendidos. O menino de Rolim de Moura, de 11 anos, teve satisfeito o seu pedido pela carreta de brinquedo (foto).

Mas irá ele conseguir o principal que é rever o pai , sem pôr em risco de vida a mãe?

— 
Fontes: Youtube/Globo/... Fotos: A frase destacada na carta. Mapa do município de Rolim de Moura, Rondônia — o Estado explorado desde 1909 pelo coronel Cândido Mariano da Silva (1865-1958) que adolescente (confrontado com um homónimo de má reputação) acrescentou "Rondon" (da avó materna). O apelido/sobrenome Rondon aparece muito em nomes de militares (como hoje neste online em que surge associado ao mega-assalto de Araçatuba). Em 1913-1914, a Expedição Científica Rondon-Roosevelt reuniu o ilustre militar e o presidente dos Estados Unidos que veio a dar nome ao rio da Dúvida, depois rio (Theodore) Roosevelt.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project