INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Mónaco sob ataque de sites na Islândia e EUA leva soberano a acionar Justiça 30 Outubro 2021

O príncipe Albert II do Mónaco acionou a justiça para investigar a vaga de denúncias em sites internet sediados no estrangeiro, com destaque para ’Os Dossiês do Rochedo’, sobre práticas de "personalidades monegascas, políticos e empresários influentes" com o objetivo de "desestabilizar o Estado e tirar disso proveito económico".

Mónaco sob ataque de sites na Islândia e EUA leva soberano a acionar Justiça

Em causa estão Didier Linotte, o presidente do Supremo Tribunal do Principado, Laurent Anselmi, conselheiro do governo e ministro dos Negócios Estrangeiros, Thierry Lacoste o advogado de Albert II, e Claude Palmero, o gestor dos seus bens.

Segundo informaram, na quinta-feira 28, à AFP fontes próximas do processo judicial em curso, os diferentes sites tomam a forma de falsos meios de comunicação social e com as suas publicações põem em causa a "honestidade e lealdade" dos quatro visados.

A informação assim criada é difundida massivamente pelas redes sociais.

Queixas no Principado e em Paris

A defesa dos quatro, liderada pela advogada Marie-Alix Canu-Bernard, renovou no tribunal do Mónaco mais queixas-crime por "violação de correspondência", "violação do sigilo profissional", ´sempre que surgem mais publicações.

Queixas por difamação, acusações falsas, acusações caluniosas, por hacking, têm vindo a dar entrada em tribunais de Paris, processadas pelos advogados dos quatro.

O príncipe Albert II esta semana entrevistado na rádio oficial do Estado denunciou a "campanha de difamação anónima que tem como alvo vários servidores do Principado".
Fontes: AFP/Nice-Matin.fr

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project