SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Mortes do Gado/Tarrafal de Santiago: Criadores apontam “vírus desconhecido” como causa – MAA fala em falta de alimentação 10 Setembro 2020

Os criadores de gado do Tarrafal de Santiago manifestaram-se hoje preocupados com a morte de quase 30 animais e apontaram como causa o surgimento de algum “vírus desconhecido”, mas as autoridades falam em falta de alimentação.

Mortes do Gado/Tarrafal de Santiago: Criadores apontam “vírus desconhecido” como causa – MAA fala em falta de alimentação

“Não sabemos dizer qual é a verdadeira causa das mortes. Pela informação que obtive junto dos próprios criadores de gado é que a doença que ataca a cabeça dos animais que em seguida tremem e minutos depois acabaram por morrer”, relatou à Inforpress o presidente da Associação dos Criadores de Gado do Tarrafal, Eduíno Cortez, acrescentando que se acredita que é algum “vírus desconhecido” que está a provocar estas mortes.

Questionado se as mortes não estão ligadas ao pasto/alimentação, o também criador de gado que ainda não perdeu nenhum rebanho, disse acreditar que não, sustentando que a doença está a provocar mortes em várias localidades e em animais que estavam fechadas e bem tratados.

Por conta dessas mortes, principalmente bovinos e suínos, contou que os criadores estão “preocupados e assustados”.

“Enquanto criador estou preocupado por duas razões, primeiro pela morte dos animais e segundo, porque a saúde pública está ameaçada, tendo em conta que as carnes tanto do bovino e suíno estão sendo vendidas”, denunciou.

Nesse sentido, pediu a intervenção das autoridades, sobretudo sanitárias, para porem cobro a tal situação e ainda ao abate de animais na via pública que, segundo lembrou, tem sido a prática habitual.

A mesma fonte disse acreditar que a morte do gado é do conhecimento da Delegação do Ministério da Agricultura e Ambiente do Tarrafal, mas que estes não têm agido e nem procurado os criadores de gado.

Para que se possa esclarecer o que está por trás dessas mortes, Eduíno Cortez pediu as autoridades para fazerem recolha dos dados dos animais mortos (fezes e sangue), e para que se faça um exame aprofundado para que se possa saber a verdadeira causa da morte dos mesmos.

“Depois disso, para que se passe a ter uma medida mais rigorosa, sobretudo, no que concerne ao lugar de abate de animais, seguimento de controlo e inspecção da carne, que tem que ser de forma diferente, caso contrário é a saúde de todos nós que está ameaçada”, propôs em forma de crítica.

Contacto pela Inforpress, o delegado do MAA no Tarrafal, João Soares, disse que após tomarem conhecimento da doença, comunicaram a Direcção do Serviço de Pecuária, tendo esta enviado duas veterinárias, que se inteiraram da situação e recolheram amostras, levando-as para o laboratório da Direcção-Geral da Agricultura, Silvicultura e Pecuária na Cidade da Praia.

“Portanto não foi detectado que nenhum vírus está a afectar esses animais, mas sim foi constatado que aqueles animais têm estado a morrer devido à falta de alimentação, de vitaminas, de cálcio e entre outros”, disse.

Contrariamente ao presidente da Associação dos Criadores de Gado, aquele responsável disse acreditar que tais mortes estão ligadas à má qualidade do pasto, tendo em conta as sucessivas secas, pastoreio ao ar livre e à própria alimentação dos animais.

Fez saber ainda que foram recolhidas mais 200 amostras, tanto de fezes e de sangue para o laboratório para análises que confirmaram que as mortes estão ligadas à alimentação, tendo em conta que está a afectar, sobretudo, as vacas na fase de gestação que carecem de mais vitaminas e cálcio.

Relativamente à venda de carne dos animais mortos, disse que não têm conhecimento sobre tal prática.

Já em relação ao abate de animais na via pública, esclareceu que a mesma é da responsabilidade da câmara municipal, mas adiantou que estão a trabalhar com a autarquia para que com a conclusão do matadouro municipal todo o trabalho de matança dos animais passe a ser feito ali. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project