CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Mosteiros: Equipa camarária promete trabalhar para garantir o desenvolvimento sustentável do município 13 Agosto 2021

O presidente da Câmara Municipal dos Mosteiros, Fábio Vieira, disse hoje que as necessidades de desenvolvimento e as expectativas emergentes são imensas, mas a equipa camarária promete trabalhar para que o município caminhe para o desenvolvimento sustentável.

Mosteiros: Equipa camarária promete trabalhar para garantir o desenvolvimento sustentável do município

Segund a Inforpress, o autarca fez estas afirmações durante a sua intervenção na sessão solene especial da Assembleia Municipal para comemorar os 30 anos da criação do município e para prestar homenagem aos profissionais de saúde e os emigrantes pelo contributo que deram no combate a pandemia da covid-19.

A missão da sua equipa, explicou, é assegurar uma dinâmica forte de investimentos municipais, sublinhando que para lá das dificuldades em matéria de recursos disponíveis, a mesma está empenhada na remoção dos principais obstáculos ao desenvolvimento e na construção de cenários de futuro no sentido de sintonizar cada vez mais a velocidade de desenvolvimento do município a do todo nacional.

“Estamos empenhados para, em articulação com o Governo, densificar a infraestruturação do município, projectando acções que, a um tempo, impactam a vida do munícipe e promovam as vocações do concelho”, disse na sua intervenção.

Acrescentou que pretende fazer com que cada localidade seja um espaço de desenvolvimento de modo acabar com a persistência de assimetrias, quer quanto ao tecido produtivo como na distribuição de equipamentos e nos indicadores sociais e índices de conforto da população.

No quadro do desenvolvimento sustentável que se almeja através das melhores políticas sociais que reduzam as desigualdades sociais, a autarquia, anunciou o seu presidente, pretende elaborar e materializar bolsas de projectos que permitam um forte impacto nas populações além de um conjunto de medidas que favoreçam a actividade dos privados e trabalhar para reverter a situação de pobreza.

“A autarquia pretende elaborar um cadastro social municipal que permitirá ver, de forma clara, os diversos indicadores e identificar assim a posição contextual do município e suas gentes no conjunto dos municípios de Cabo Verde”, advogou Fábio Vieira, para quem todas essas medidas devem ser discutidas, planificadas e implementas com a mais ampla participação da sociedade civil organizada.

Segundo a mesma fonte, Mosteiros, no dizer do autarca, precisa ganhar velocidade em relação às dimensões estratégicas do desenvolvimento e investir mais na educação e formação profissional de qualidade, nas indústrias criativas e culturais, no reforço do planeamento urbano e infraestrutura social, no saneamento, saúde e segurança pública, na sustentabilidade ambiental e no atracção de investimentos dos emigrantes.

“O que se está a investir neste momento em matéria da infraestruturação deve realinhar Mosteiros para um novo patamar de competitividade”, destacou Fábio Vieira.

Com relação a algumas criticas tecidas pelo líder do grupo parlamentar do Movimento para a democracia (MpD-oposição) na Assembleia Municipal dos Mosteiros, Fábio Vieira lembrou que “nenhum país se governa com discursos e com boas intenções”, sublinhando que as decisões politicas devem ser assertivas e contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas.

“Os governos são parceiros naturais dos municípios e as relações são meramente institucionais e não de química pessoal”, adiantou o autarca, destacando ainda que “as transferências são feitas com recursos do Estado e não são de nenhum partido e de nenhum governante”.

Fábio Vieira referiu ainda que “é fundamental” clarificar o mal-entendido que existe e saber distinguir os investimentos directos do Governo e os investimentos realizados pelos municípios no quadro da transferência de recursos do Estado.

Reafirmou que existe uma relação de muita cordialidade entre o município dos Mosteiros e o Governo e garantiu que usará a diplomacia política para que o actual Governo se configure parceiro estratégico de desenvolvimento dos Mosteiros.

Ao assinalar os 30 anos da criação do município dos Mosteiros, Fábio Vieira disse que nessa altura “repôs-se uma justiça histórica e um desejo acalentado por várias gerações de mosteirenses” que permitiu resgatar o orgulho e a dignidade de todos os filhos dos Mosteiros e marcar uma nova trajetória e um novo rumo nos destinos deste município, conclui a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project