POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Parlamento: MpD congratula-se com os avanços registados no sector da saúde em Cabo Verde 10 Novembro 2021

A grupo parlamentar (GP) do Movimento para a Democracia (MpD-poder) congratulou-se hoje com os avanços registados no sector da saúde em Cabo Verde, desde a independência, a esta parte.

Parlamento: MpD congratula-se com os avanços registados no sector da saúde em Cabo Verde

“São inquestionáveis os ganhos conseguidos no sector da saúde em Cabo Verde, desde a independência, fruto do trabalho dos sucessivos governos da República, colocando Cabo Verde numa posição de destaque na nossa sub-região, como indica a evolução positiva dos indicadores de saúde”, afirmou, segundo a Inforpress. a porta-voz do GP do MpD.

Ângela Gomes fez estas considerações durante o debate parlamentar sobre a saúde, agendado a pedido da sua bancada.

Segundo ela, os indicadores de saúde de 2016 a 2020 assinalam “ganhos a vários níveis, com destaque para a redução das taxas de mortalidade geral e infantil e das doenças com potencial epidémico”.

“O sector da saúde e o desempenho dos governos estão sempre sob os holofotes das populações e, estudos confirmam que a saúde continua a ocupar o primeiro lugar nas preocupações dos cabo-verdianos”, admitiu a deputada.

Para o MpD, é “inquestionável e inegável” o empenho do Governo chefiado por Ulisses Correia e Silva, no sector da saúde, desde que iniciou funções em 2016.

“Cabo Verde enfrenta desde Março de 2020, a pandemia da Covid-19 que causou a maior crise sanitária, económica e social da sua história”, afirmou, acrescentando que, desde o primeiro dia, o Governo assumiu com “muita firmeza e responsabilidade que a prioridade das prioridades era salvar vidas”.

Segundo a mesma fonte, a deputada reconheceu a “entrega abnegada” dos profissionais de saúde que em meio ao medo e incertezas arriscaram-se a longos períodos de confinamento, deixando os seus lares e familiares, para dar assistência aos doentes nos diferentes centros de tratamento espalhados por todo o País.

De acordo com o MpD, dados demonstram que 81.6% da população elegível já recebeu a primeira dose e 61,4% recebeu a segunda dose, destacando-se alguns concelhos que já alcançaram 100% de pessoas completamente vacinadas, como é o caso de Paul, Ribeira Grande (Santo Antão) e Tarrafal de São Nicolau.

Para o MpD, o Sistema Nacional de Saúde continuará a actuar focado nos desafios impostos pela transição epidemiológica e demográfica, melhorando as intervenções com vista ao aumento da literacia em saúde e diminuição dos factores de risco.

Por sua vez, deputada da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID-oposição), Zilda Oliveira, pediu ao Governo melhoria no atendimento aos utentes da saúde que, segundo ela, passa por um “atendimento humanizante”.

“As queixas são generalizadas a diversas estruturas do País, agravada pela morosidade no atendimento”, lamentou a parlamentar citada pela Inforpress. que reconheceu o trabalho feito por todos que estiveram e ainda estão na linha da frente do combate à pandemia de covid-19.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project