LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Brasil : Nikolas Ferreira, deputado mais votado do país aos 26 anos 11 Outubro 2022

O candidato mineiro de 26 anos destacou-se ao ser eleito para o Congresso no dia 2, com um milhão e meio de votos graças ao discurso entre o bíblico e o transfóbico. O deputado federal eleito continua na mesma toada com publicações "difamatórias" visando Lula. Esta terça-feira recebeu ordem judicial para apagar essas publicações das redes sociais sob pena de pagar o equivalente a um milhão de escudos por dia.

Brasil : Nikolas Ferreira, deputado mais votado do país aos 26 anos

O TSE-Tribunal Superior Eleitoral hoje (terça-feira 11) condenou o vereador e deputado federal de Minas Gerais, Nikolas Ferreira eleito pelo PL, de Bolsonaro, a apagar o vídeo com acusações mentirosas contra o ex-presidente Lula, do PT.

No vídeo a circular nas redes sociais, Nikolas Ferreira associa Lula ao crime e dá a entender que o petista incentiva a criminalidade, além de que irá, caso vença a disputa presidencial, censurar as redes sociais e perseguir os utentes, "patrocinar ditaduras genocidas" e prender opositores.

Na sua decisão, o juiz Paulo de Tarso Sanseverino do TSE afirma que "é forçoso reconhecer que o vídeo divulgado foi produzido para ofender a honra e a imagem do candidato Luiz Inácio Lula da Silva. O objetivo consistiu na disseminação de discurso manifestamente inverídico e odioso que pretende induzir o usuário da rede social a vincular o candidato como defensor político das práticas ilícitas e imorais acima mencionadas".

Multa diária

Por cada dia em que desobedecer e não retirar o vídeo, o deputado eleito terá de pagar uma multa de 50 mil reais (c.1 milhão CVE), lê-se no acórdão do TSE.

Fontes: G1/Estado de Minas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project