INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

OMS quer mais cooperação da China na investigação às origens da pandemia 16 Julho 2021

Conforme declarou esta quinta-feira, 15, o Diretor Geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), a China deve "cooperar melhor" na investigação sobre as origens da pandemia de Covid-19, cujos primeiros casos foram detetados em Wuhan, em dezembro de 2019.

OMS quer mais cooperação da China na investigação às origens da pandemia

"Esperamos que haja uma melhor cooperação para sabermos o que verdadeiramente se passou", disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, durante a habitual conferência de imprensa da OMS, em Genebra, reclamando, em particular, acesso aos dados brutos que até ao momento foram insuficientes. Devemos isso às pessoas", disse o responsável da OMS, citado pela Lusa.

Ainda de acordo com a nossa fonte, Tedros Adhanom Ghebreyesus defendeu que a origem do vírus que provoca a covid-19 deve continuar a ser estudada para prevenir o futuro.

A pandemia de Covid-19 provocou pelo menos 4.061.908 mortes em todo o mundo, entre mais de 188,3 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project