POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

PAICV pede parceria Governo/câmara de São Domingos para resolver problemas dos munícipes 01 Abril 2022

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição) pediu uma colaboração entre o Governo e a Câmara Municipal de São Domingos na resolução dos problemas dos munícipes daquele concelho de Santiago Sul.

PAICV pede parceria Governo/câmara de São Domingos para resolver problemas dos munícipes

Esta posição foi manifestada em declarações à Inforpress pelo deputado Manuel Brito, à margem de um conjunto de visitas de auscultação às autoridades locais, população e operadores económicos de São Domingos, realizadas durante o dia de quinta-feira, 31 de Março.

“Tivemos um encontro com agentes da música e da cultura em que abordamos algumas questões relacionadas com a cultura em Cabo Verde, principalmente no município de São Domingos em que os agentes defenderam a transferência de algumas atividades da capital para este município”, afirmou.

Conforme disse, os agentes da cultura reivindicaram também a necessidade de um auditório municipal em São Domingos pelo que, disse, o Governo deve apostar, em parceria com a câmara municipal, para concretizar este desejo para a promoção da cultura.

“São Domingos é forte a nível da cultura (…) então é necessário uma aposta forte na cultura, na área musical, mas também temos muitas potencialidades na culinária. São Domingos é uma terra que possui as raízes da cultura, temos o Ntoni Denti d’oro, Ano Nobu, Codé di Dona, Nhu Mano Mendes, que é o único produtor de cimboa em Cabo Verde, então é necessário trabalhar para preservar esses patrimónios importantes existentes em Cabo Verde”, acrescentou.

Manuel Brito disse ainda que só a câmara municipal não consegue fazer todos os investimentos para dinamizar a cultura, pelo que considerou que é preciso ter uma parceria do Governo para ajudar nesses investimentos em São Domingos a nível da cultura.

Uma parceria que, indicou, deve-se também estender ao campo da pesca, uma vez que receberam também um conjunto de reivindicações colocadas num encontro com mais de 150 pescadores e peixeiras na localidade de Praia Baixo.

“Eles reivindicaram uma linha de crédito ou fundo para as pescas”, disse, ressaltando a necessidade de se sair do sistema de pesca artesanal e passar para uma pesca semi-industrial, capaz de permitir um maior captura e rendimento para as famílias que vivem da pesca.

“Deve haver uma parceria entre câmara e governo no sentido de dinamizar cada vez mais a pesca em Santiago Sul e em particular em São Domingos que possui também esta potencialidade a nível desta atividade”, finalizou.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project