POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

PAICV quer que II Congresso de seus autarcas seja momento de aprendizagem e preparação para o futuro 17 Setembro 2018

O PAICV quer que o II congresso de seus autarcas seja uma ocasião de aprendizagem critica e colectiva e de preparação para o futuro, disse hoje, na cidade da Praia, o secretário-adjunto para Assuntos Autárquicos, Américo Nascimento.

PAICV quer que II Congresso de seus autarcas seja momento de aprendizagem e preparação para o futuro

Américo Nascimento fez estas declarações durante uma conferência de imprensa marcada, na sede nacional do partido, para falar sobre os preparativos do II Congresso dos Autarcas do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV- oposição), que vai acontecer nos dias 28, 29 e 30 de Setembro, na cidade da Praia.

Aquele responsável começou por defender que, depois de ter sido colocado nas autárquicas de 2016 como oposição em 20 dos 22 municípios do país, cabe ao PAICV a “plena assunção dos compromissos, de forte aposta na governação local, com olhos postos em 2020.

“O II Congresso dos Autarcas do PAICV apresenta-se como uma ocasião de aprendizagem crítica e colectiva e de preparação para o futuro”, disse Américo Nascimento, completando que o evento terá uma agenda de trabalhos compreendida em dois momentos.

O primeiro momento, conforme disse, é denominado de Conferência Internacional, uma vez que terá a participação de “partidos amigos estrangeiros”, nomeadamente do PS (Portugal), MPLA (Angola) e do Partido Comunista português.

“O segundo momento, que será dedicado à agenda autárquica de 2020 e que constitui a ‘espinha dorsal’ do II Congresso dos Autarcas, que dará lugar à apresentação e discussão de temas importantes da actualidade, por conferencistas nacionais, na busca dos melhores caminhos e das melhores respostas para os desafios que o PAICV terá de enfrentar em 2020”, explicou.

Finalizando, Américo Nascimento defendeu que o II Congresso deverá ser o momento de arranque com vista a uma boa performance nas Eleições Autárquicas de 2020. O mesmo deverá ser ainda, segundo aquele responsável político, “despoletador de um processo contínuo de aprendizagem para novos patamares de desenvolvimento local e do país”. A Semana/Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project