SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Plantações criminosas: Tribunal aplica TIR a suspeito de cultivar cannabis nos Mosteiros 30 Junho 2019

O Tribunal da Comarca dos Mosteiros aplica Termo de Identidade e Residência -TIR, com apresentação periódica na Esquadra, a um homem detido, por suspeita de ter cultivado 14 plantas de cannabis, vulgarmente conhecido por “padjinha”. Encontradas em fase avançada de crescimento, as plantações destruídas tiveram um peso bruto superior a 10 quilos.

Plantações criminosas: Tribunal aplica TIR a suspeito de cultivar cannabis nos Mosteiros

Segundo informa a Polícia Nacional (PN), o indivíduo foi detido esta semana, suspeito do cultivo de 14 plantas de cannabis, vulgarmente conhecido por “padjinha”, em fase avançada de crescimento.

O suposto traficante-cultivador foi entregue ao Poder Judicial, tendo-lhe sido aplicado, como medida de coação pessoal, Termo de Identidade e Residência, com apresentação periódica na Esquadra da PN no concelho dos Mosteiros.

Segundo a mesma fonte, trata-se de 14 plantas de cannabis, na sua maioria com aproximadamente 1,8 metros de altura, que estavam a ser cultivadas num curral perto da residência do suspeito.

A fazer fé nas informações das autoridades locais, depois de ter chegado ao local, os elementos da Polícia Nacional aperceberam-se do facto de as plantas estarem a ser bem cuidadas e algumas já prontas para serem consumidas.

No entanto, ao aperceber-se da presença policial, o suspeito tentou fugir mas foi detido no local, tendo de seguida confessado a infração cometida.

Conforme descrevem as fontes referidas, no local, a PN apreendeu todas as plantações de cannabis que estavam a ser cultivadas - as mesmas obtiveram o peso bruto total de 10,1 Kg (dez quilogramas e cem gramas).

É de salientar que, nas ilhas de vocação agrícola, vêm se registado vários casos de plantações de cannabis - Santa Catarina de Santiago já foram destruídas enormes campos de plantações da mesma espécie vegetal. Segundo alertam observadores atentos, autoridades policiais (PN/PJ) e a Inspeção Geral da Atividade Económica necessitam de meter na agenda visitas obrigatórias e periódicas a todos os campos de regadios, incluindo os das ilhas de Santo Antão e São Nicolau. Fotos: Plantações de cannabis destruídas (Manchete, Santa Catarina) interior e roda pé da peça (Mosteiros).

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project