ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Mindelo: “Panela Limpa” – uma forma que Gisela encontrou para driblar a crise provocada pela pandemia da Covid-19 21 Abril 2021

Em tempos difíceis como o que estamos a viver são muitas vezes sinónimo de oportunidades. Oportunidade que Gisela Rocha encontrou,no Mindelo, para ter uma renda, principalmente, capaz de quitar as dívidas na universidade. A ideia de “Panela limpa” é sobretudo para aquelas mulheres sem tempo para fazer brilhar as suas panelas por causa do trabalho. A jovem traz está ideia de deixar as panelas dos seus clientes com um brilho impecável.

Mindelo: “Panela Limpa” – uma forma que Gisela encontrou para driblar a crise provocada pela pandemia da Covid-19

Natural de Santo Antão, Porto Novo, mas que no momento reside em São Vicente, Gisela Rocha conta que, a ideia surgiu pelo fato de, desde sempre ter esta preocupação em deixar bem tratada as panelas da casa dos pais. Mas também foi pela necessidade.

Esta, que é estudante do 2º ano de enfermagem, garante que não tem sido tempos fáceis. No ano passado devido a pandemia, os pais tiveram muitas dificuldades em continuar a pagar os estudos da jovem, logo ela teve que parar e transformar aquilo que mais gosta em uma atividade que gerasse lucros e pagar as dívidas da universidade.

“Foi no ano passado que pretendi colocar a ideia em prática, e até porque meus pais tinham dificuldades em enviar-me dinheiro, por causa desta pandemia e as coisas estavam complicadas e difíceis para toda gente”, explica Gisela *a reportagem do Asemanaonline.

A sua proatividade lhe sugeriu colocar a mão na massa e fazer as coisas acontecerem. Juntando esta questão que, nem sempre há tempo para dar aquela especial atenção aos utensílios de cozinha, a jovem veio trazer a solução com um simples chamada ou envio de mensagem, ela estaria disposta a usar o tempo necessário para colocar brilho nas panelas dos clientes.

Gisela conta que, através de um parente que lhe apresentou a uma amiga para tratar as suas panelas e que ficou muito satisfeita pelo resultado, deixou o contacto da jovem em várias pessoas e que em dezembro/janeiro começou a ser chamada com mais frequência para está atividade.

Essa atividade ainda estava restrita a conhecidos e amigos, mas a sua irmã que reside em Portugal deu-lhe a ideia de divulgar este serviço nas redes sociais, e que acabou por ter um impacto que não esperava.

“Divulguei este serviço nas redes sociais e logo comecei a ter um grande número de pessoas a requisitarem os meus serviços. Eu não esperava ter tantas pessoas interessadas na minha atividade, em tão pouco tempo. E cada dia há mais pessoas a entrar em contacto comigo”, avança com muito entusiamo e alegria.

Devido a tantos pedidos, houve a necessidade de ter mais uma pessoa para ajudar. Com isso teve a ideia de chamar uma amiga que a ajudasse a dar conta do serviço, principalmente quando a agenda estava cheia. Gisela afirma que também foi uma forma de ajudar a amiga a obter alguma renda. A mesma conta que, a reação das pessoas tem sido muito positiva, tem recebido pedidos de outras ilhas, mas que infelizmente o serviço só é prestado em São Vicente.

Neste momento, a jovem tem 5 clientes fixos, onde todos os meses dirige-se às suas casas para uma limpeza detalhada destes utensílios de cozinha, e tem os clientes pontuais que lhe chamam para prestar o serviço.

A mesma consegue fazer a mágica com uma receita de uma mistura que encontrou na internet, e dai “ter um excelente resultado quanto a aparência das panelas deixando-as como novas”.

Por ser muitas requisições, a santantonese faz marcações consoante a sua disponibilidade, já que também sou estudante e precisa conciliar as duas atividades. Independentemente do tamanho, Gisela cobra o valor de 150$ a cada panela.

A divulgação pelas redes sociais “foi um impulso” que lhe faltava para que a sua atividade ficasse mais conhecida e fosse mais requisitada.

A jovem quer expandir o negócio e quiçá, um dia ter a sua própria empresa, que presta este serviço e poder também ajudar com postos de trabalho, já que a adesão de pessoas tem aumentado a cada dia.

AC/Redação

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project