INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Paris, sinalética distancimento 30 Maio 2020

Onda azul nas ruas da capital francesa. Para adaptar as ruas às novas regras de distanciamento físico, a cidade-luz testa uma nova sinalética simples, sob a forma de marcação no pavimento alcatroado.

Paris, sinalética distancimento

A câmara lançou um concurso público de design para a nova vida sob desconfinamento. Público-alvo são todos, mas a ter em conta que a vida da cidade começa nas crianças.

O estúdio gráfico vencedor explicou ao Le Monde (edição de ontem, 6ªfª, 29) como fez "para a mensagem passar numa cidade já saturada de mensagens".

"Nada de mensagens nas paredes", que já estão cheias. "Sem vermelhos, que cansam".

A escolha tinha de ser um tema fácil, logo reconhecível aos munícipes. Por isso partiram do emblema de Paris e destacaram as ondas do Sena.

As ondas ditaram as cores eleitas: o azul luminoso das vagas do rio e o branco da espuma a representar as letras.

"Um metro entre nós" apela à distância social, "Está a chegar a uma escola" são slogans informativos com um apelo que fala à imaginação e leva à apropriação do que interessa.

Fonte referida. Fotos: "Um metro entre nós" apela à distância social. "As boas-vindas. Está a chegar a uma escola".

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project