ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Parlamento: Dia de Talaia Baxu gera dissenso entre os deputados 27 Abril 2022

Os deputados debateram hoje, na generalidade, a proposta do diploma que institui 01 de Fevereiro como Dia Nacional da Talaia Baxu, um género musical originário da ilha do Fogo, mas esta data não gera consenso.

Parlamento: Dia de Talaia Baxu gera dissenso entre os deputados

A bancada parlamentar do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) entende que 24 de Junho será a “melhor data” para simbolizar Talaia Baxu, e, por outro lado, defendeu que se devia fazer um trabalho “mais profundo”, em ordem a dar “mais dignidade” a este género musical foguense.

Para a deputada Vanusa Barbosa, eleita nas listas do Movimento para a Democracia (MpD-poder), o 24 de Junho não seria a melhor data, tendo em conta, conforme argumentou, este dia coincide com o de São João, o que acabaria por ‘matar’ “Talaia Baxu”.

Segundo a parlamentar, 01 de Fevereiro foi escolhido por ser a data do nascimento da Adelina Gomes, mais conhecida por Bina Manzinha, a primeira mulher a cantar talaia baxu, “num momento em que este direito não estava reservado às mulheres”.

“É justo homenagearmos a primeira mulher que cantou talaia baxu no Fogo”, vincou a deputada.

Por sua vez, Alberto Alves, eleito nas listas do PAICV para as américas, defendeu que a emigração tem de participar neste processo da escolha do dia para Talaia Baxu, pelo que, segundo ele, o grupo de dança com o mesmo nome, nos Estados Unidos de América, “deve ser ouvido”.

Ainda sobre a data, disse que deve ser 24 de Junho, porque, explicou, é a data em que a ilha do Fogo regista “grandes movimentações”, por ser o dia de São João.

“Talaia Baxu” nasceu a partir do tambor e, só depois, passou para o violino e outros instrumentos musicais”, explicou Alberto Alves.

A União Cabo-verdiana Democrática e Independente (UCID-oposição) também advoga que se devia aprofundar a investigação sobre Talaia Baxu para que o documento ficasse mais enriquecido, em termos históricos.

A proposta do diploma vai à votação nesta quinta-feira e o grupo parlamentar do MpD, reforçado pela posição do Governo, deixou transparecer que votará a favor. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project