ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Parlamento: UCID diz que conversa e retórica não servem quando homens nas zonas rurais padecem do apoio do Governo 26 Outubro 2022

A União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID-oposição) afirmou hoje que conversa e retórica não servem quando na prática as mulheres e os homens nas zonas rurais padecem realmente do apoio do Governo.

Parlamento: UCID diz que conversa e retórica não servem quando homens nas zonas rurais padecem do apoio do Governo

A afirmação foi feita pelo deputado António Monteiro no arranque do debate com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, nesta segunda Sessão Plenária de Outubro, cujo tema será “O desenvolvimento no meio rural”.

António Monteiro frisou que perante a situação que o mundo vive, esperaria que o executivo voltasse a cara, um pouco mais, para a zona rural, para ajudar o país no desenvolvimento da economia e ajudar a alimentar o país.

“A guerra que nós vivemos neste momento no mundo, por causa da invasão da Ucrânia pela Rússia, deveria servir-nos para prestarmos um pouco mais de atenção e fazermos valer a capacidade do homem cabo-verdiano no campo. No entanto, vários têm sido aqui os debates e os resultados que temos tido até hoje, infelizmente estão aquém das possibilidades deste país. Não vale a pena estarmos a fazer os debates consecutivos, se, na prática, nós pouco ou nada temos feito”, sublinhou.

Neste sentido, a UCID questionou o que tem sido feito para que os agricultores, os criadores de gado nas zonas rurais possam ter a capacidade, pelo menos financeira, para investirem nas novas tecnologias.

“Conversa e retórica não servem, o que as pessoas querem no campo, nas zonas rurais, é terem a capacidade de alimentarem as suas famílias e participarem na vida económica deste país. Temos estado a ouvir o financiamento da Hungria. Onde estão esses financiamentos? Portanto, não vale a pena estarmos aqui a falar quando na prática as mulheres e os homens nas zonas rurais padecem realmente do apoio do Governo”, apontou.

António Monteiro defendeu ainda que além da agricultura e pecuária, o Governo deve ainda dar atenção à questão social, à questão ambiental e à questão demográfica.

Além do debate com o primeiro-ministro, esta segunda sessão plenária de Outubro tem também como ponto alto o debate sobre a situação da Justiça e a eleição dos nomes que compõem o Órgãos Externos à Assembleia Nacional: juízes suplentes do Tribunal Constitucional, para o Conselho de Disciplina e Avaliação dos Juízes do Tribunal de Contas, assim como para o Conselho Superior de Magistratura Judicial e para o Conselho Superior do Ministério Público.

Ainda nesta sessão, os deputados terão sobre a mesa para a aprovação, ou não, a proposta de Lei que estabelece o regime jurídico de comercialização, importação, distribuição e produção de plásticos de utilização única, a proposta de Lei que estabelece o estatuto da pessoa idosa e o projecto de resolução que altera a Comissão do Parlamento para a X Legislatura. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project