ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Páscoa: Cardeal insta fiéis a viverem como Cristo e serem testemunhos de Jesus na sociedade 17 Abril 2022

O cardeal Dom Arlindo Furtado instou hoje os fiéis, no Domingo de Páscoa, na Cidade da Praia, a viverem como Cristo, que conseguiu vencer a morte, e serem também testemunhos de Jesus na sociedade.

Páscoa: Cardeal insta fiéis a viverem como Cristo e serem testemunhos de Jesus na sociedade

“A mensagem de que, sendo nós membros de Jesus Cristo, que ressuscitou dos mortos, e destinados a ressurreição, a nossa vida deve desenvolver-se, precisamente em sintonia com essa realidade que nós somos chamados a seguir”, disse, segundo a Inforpress, o Dom Arlindo à imprensa, momentos antes da missa da Páscoa celebrada na igreja matriz da Cidade da Praia.

Conforme disse, aquilo que as pessoas são Cristo, são chamadas também a vivê-lo e a testemunhar junto dos outros na sociedade, investindo as suas vidas, fazendo bem como Jesus fez.

“Isto fará com que a nossa vida seja uma bênção para os outros. A vida de Jesus é uma bênção para todos nós e todos juntos caminharemos como família, em comunhão, à imagem da Santíssima Trindade para a maravilha maior que é a comunhão eterna com Deus e com os Santos”, acrescentou.

O cardeal ressaltou ainda que a Cruz é uma realidade, bem como os desafios da vida, as pressões sociais e as dificuldades da vida histórica, mas, disse, tudo isso Jesus viveu.

“Nós também somos chamados a viver sob uma luz, sob a prima que é Jesus, sob o olhar de Jesus, sob orientação de Jesus que é a nossa estrela do Norte, é a estrela que nos orienta o Norte até à plenitude”, acrescentou.

“Jesus venceu, inclusive, a morte e nós com Jesus venceremos a morte e se vencermos a morte com Jesus o quê nos faltará para vencer”, questionou.

Segundo este religioso citado pela Inforpress, a morte é a barreira mais intransponível, mas Jesus Cristo transpôs essa barreira, abrindo uma porta às pessoas, pelo que com Jesus não há nada que possa oprimir as pessoas, “porque Jesus é o libertador de todas as amarras”.

Quando ao dia de hoje, Domingo de Páscoa, Dom Arlindo Furtado explicou que é o dia “mais importante” para a história da humanidade porque determina, em definitivo, o “glorioso destino” de todo o ser humano.

“Deus fez-se homem, assumiu todas as nossa realidades, inclusive as nossas misérias, as nossas falhas, os nossos pecados, ele promoveu aquilo que de nós há de bom, destruiu aquilo que há de mau e nos garante a esperança de que, seguindo os passos de Jesus, que é o caminho, a verdade e a vida, o nosso destino será também o esplendor da glória de Deus pai por toda a eternidade”, frisou.

Este líder da Igreja Católica cabo-verdiana disse ainda que todos são também convidados a abrir seus corações, a tomar consciência dessa “grande realidade” e viver suas vidas, investindo-as rumo a esse “destino belíssimo e maravilhoso”, que Deus preconiza para todos os assumidos como seus filhos, suas filhas, membro da sua família para sempre, refere a fonte deste jornal.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project