AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Paul: Candidato do MpD aposta na continuidade tendo em conta “ganhos já alcançados” 04 Outubro 2020

O candidato do MpD a presidente da câmara do Paul, António Aleixo Martins, candidato à própria sucessão, disse à Inforpress que aposta na continuidade tendo em conta “os ganhos já alcançados”, mas “consciente dos desafios ainda existentes”.

Paul: Candidato do MpD aposta na continuidade tendo em conta “ganhos já alcançados”

“Por exemplo, o sector da habitação social, em que nós temos ganhos em todos os locais mas é preciso continuar”, disse o candidato suportado pelo Movimento para a Democracia (MpD) que pretende dar uma atenção especial à agricultura, tendo em conta que mais de 80 por cento (%) da população do Paul vive da agricultura.

Ainda segundo a Inforpress, António Aleixo destacou a municipalização dos serviços do Ministério da Agricultura no concelho do Paul e, depois de fase de adaptação, agora ”é tempo de fazer mais” pela agricultura no concelho, não substituindo os agricultores, mas estando mais perto deles, escutando as suas “preocupações, desafios e desejos”.

Atenção especial terá de ser dada à gestão da água, “que é um grande desafio a nível mundial”, e o Paul não pode ficar à margem deste desafio, sobretudo, tendo em conta a experiência vivida nos últimos três anos de seca severa, em que a câmara foi chamada a mediar conflitos de gestão da água, provocados pela escassez desse bem.

A industrialização da agricultura, com enfoque na transformação e na conservação dos produtos agrícolas, poderá ser uma das saídas para a agricultura no Paul e, aliada a isso, deverá estar o desenvolvimento do turismo.

“Não o turismo que nos faz lembrar o Sal ou a Boa Vista, mas um turismo adaptado à realidade da ilha de Santo Antão”, disse António Aleixo, explicando que, em tempos de pandemia, as recomendações vão no sentido de evitar aglomerações de pessoas.

Neste sentido, continuou, “a realidade santantonense favorece” a implementação de um turismo de pequena escala e isso implica estar, cada vez, mais perto dos operadores privados.

“Isso tudo sem descurar a questão ambiental que é muito importante”, concretizou o edil cessante, citado pela Inforpress.

Dados provisórios indicam que para as eleições do dia 25 de Outubro, no concelho do Paul, estão inscritos 5.408 eleitores nos cadernos de recenseamento, dos quais cinco são cidadãos estrangeiros.

Em 2016 o número de inscritos foi de 5.250 dos quais apenas 3.876 votaram.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project