REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Pelo menos 40 migrantes mortos devido a naufrágio em Itália. Um é recém-nascido 26 Fevereiro 2023

Pelo menos 40 migrantes morreram, este domingo, depois de o barco em que viajavam ter naufragado em Cutro, a 20 quilómetros de Crotone, na costa sul de Itália. A atualização do número de mortos foi feita pelo jornal La Republica

Pelo menos 40 migrantes mortos devido a naufrágio em Itália. Um é recém-nascido

Segundo o Corriere Dela Serra, os corpos foram encontrados na praia, na localidade de Steccato, e entre as vítimas está um recém-nascido. Cerca de cinquenta pessoas foram ainda resgatadas, enquanto a busca por outros sobreviventes continua. "O barco, no qual viajavam os migrantes vindos do Irão, Afeganistão e Paquistão, terá batido contra as rochas devido à agitação marítima.

De acordo com fontes, os migrantes "não chegaram a tempo de pedir ajuda" e alguns dos sobreviventes terão chegado à costa sem auxílio, conforme escreve a Agência Lusa.

Citando fontes portuárias não identificadas, a televisão italiana RAI disse que o navio transportava mais de 100 migrantes.

Sabe-se ainda que mais de 7.700 migrantes desembarcaram na costa de Itália desde o início do ano, em comparação com as 4.263 que chegaram no mesmo período do ano anterior.

Face ao aumento de chegadas, o parlamento italiano aprovou um decreto do Governo, em 14 de fevereiro, que obriga uma organização a solicitar o desembarque de migrantes imediatamente após um resgate e atribui portos distantes para desembarcar os resgatados.

A nova legislação foi criticada por organizações não-governamentais (ONG´s) envolvidas no socorro a migrantes no Mediterrâneo, bem como pela ONU e pelo Conselho da Europa.

A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project