ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Persiste bloqueio no acesso à base de dados do INPS: Comissão Executiva informa que está trabalhar para resolver o problema 18 Agosto 2020

Em comunicado remetido a este jornal, a Comissão Executiva do INPS informa que ainda persiste o problema de acesso à base de dados do instituto gerida pelo NOSI, mas garante que esforços vêm sendo feitos para a rápida reposição dos serviços.

Persiste bloqueio no acesso à base de dados do INPS: Comissão Executiva informa que está trabalhar para resolver o problema

«Na sequência do comunicado conjunto NOSI/INPS, emitido na passada sexta-feira, dia 14 de agosto, o Instituto Nacional de Segurança Social (INPS) comunica a todos os seus beneficiários, prestadores de serviço e o público em geral que ainda persiste o problema técnico de acesso à base de dados gerida pelo NOSi», lê-se no documento remetido a este jornal.

Diante de tudo isto, a Comissão Executiva do INPS pede a compreensão de todos pelos transtornos que essa situação está a causar, asseverando que esforços vêm sendo feitos para a rápida normalização do funcionamento dos seus serviços. «Neste sentido e ciente dos transtornos que essa situação está a causar, o INPS apela mais uma vez à vossa compreensão, aproveitando a oportunidade para informar do nosso empenho junto ao NOSI, para que a normalidade seja reposta, com maior brevidade possível», diz o comunicado.

De salientar que, no dia 14, o Núcleo Operacional da Sociedade de Informação (NOSi) e o Instituto Nacional de Segurança Social (INPS) comunicaram que, desde dia 10 de agosto de 2020, um problema técnico nas configurações do sistema crítico de gestão da Base de Dados que suporta as várias soluções aplicacionais, tem afetado a disponibilização das operações electrónicas do INPS e dos seus vários stakeholders. Assegurou que, na terça-feira,11, à noite, «foi possível repor os sistemas e garantir as operações eletrónicas», mas «uma parte desse sistema crítico ficou comprometida, em virtude da instabilidade técnica nas configurações acima referida, pelo que, a intervenção técnica se estenderá até o final desta semana».Mas o problema ainda persiste, como o próprio INPS reconhece na sua nota de hoje.

Ontem, em nota remetida a este jornal, o coordenador da Plataforma dos 12 sindicatos da UNTC-CS e mais o SINDEP denunciou que há cerca de uma semana que o Instituto Nacional da Previdência Social não vem atendendo os segurados, as farmácias e clínicas e nem entende os casos de receitas médicas e pacientes. Tudo, segundo Aníbal Borges, por bloqueio no acesso à base de dados do mesmo instituto.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project