AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Plataforma eleitoral: Candidatura de Lourenço Lopes quer emigrantes como principais investidores nos Mosteiros e no Fogo 12 Outubro 2020

A plataforma eleitoral do candidato do Movimento para a Democracia (MpD) à presidência da câmara dos Mosteiros nas eleições de 25 de Outubro, Lourenço Lopes, elencou como prioridade na sua atuação aproveitar a diáspora mosteirense para capitalizar o desenvolvimento do município.

Plataforma eleitoral: Candidatura de Lourenço Lopes quer emigrantes como principais investidores nos Mosteiros e no Fogo

“A diáspora será um parceiro de primeira linha e os emigrantes podem afirmar-se como os principais turistas e investidores nos Mosteiros e na ilha”, referiu Lourenço Lopes, lembrando que Mosteiros tem “uma generosa e pujante diáspora, sobretudo nos Estados Unidos da América”, que precisa de espaço, confiança e oportunidades para investir de forma mais consistente e estratégica no concelho e na ilha, sublinhando que aquilo que o município é hoje, é resultado, em grande medida, da atenção e do investimento dos emigrantes, seja na construção de habitações, seja no comércio, no envio de dinheiro e de encomendas às famílias residentes.

O candidato ventoinha defende ainda que é necessário criar condições a nível dos transportes, saúde e de incentivos fiscais que favoreçam o retorno dos emigrantes e reforçar a relação que deve ir muito além da simples relação sentimental, propondo como uma das medidas a criação de um gabinete de apoio ao investimento emigrante, capaz de estimular os projetos e negócios, longe da burocracia atual.

Ligado a diáspora, Lourenço Lopes defende políticas públicas municipais como a preparação da juventude para a emigração, seja nas várias actividades profissionais, mas também no domínio de línguas estrangeiras (inglês) para que estejam munidos dos instrumentos necessários para a integração no mercado de trabalho e na sociedade americana, sem descorar outras acções para o sector da juventude.

O desporto e a cultura são duas áreas que a plataforma de Lourenço Lopes dedica atenção especial. Defende que o desenvolvimento espiritual e humano passa pela criação de condições para a prática das várias modalidades desportivas e do acesso à cultura. Porque os jovens precisam de mais condições e oportunidades, o candidato promete investir, fortemente, nas infraestruturas desportivas, nomeadamente na conclusão do campo de futebol de Ribeira do Ilhéu e na construção de mais três campos relvados: Fonte Curral (Mosteiros-Trás), Canal e outro na zona sul para servir Relva, Achada Grande e Corvo.

A plataforma autárquica do MpD para Mosteiros promete, por outro lado, atrair grandes eventos culturais para o concelho e apostar na formação em vários instrumentos musicais para crianças e jovens, estimular as escolas de iniciação musical, a leitura e às actividades que reforcem a livre expressão cultural.

Para o município com potencial agrícola e turística, a plataforma de Lourenço Lopes elege também como prioritário o turismo da natureza de alto valor acrescentado, enquadrado no conceito da zona especial da economia ligado ao vulcão do Fogo em parceria com os demais municípios da ilha e o Governo, contando na sua implementação com forte investimento do setor privado nacional e estrangeiro e sobretudo da diáspora, lembrando que Mosteiros tem montanhas, zonas altas com microclimas e florestas, arvores de fruto, café e vinho do Fogo.

Em parceria com o Governo o documento estabelece a necessidade de se avançar, num futuro próximo, com o porto de pescas, uma infraestrutura central na estratégia global de desenvolvimento.

“Terá impacto decisivo no sector das pescas, agricultura, pecuária, turismo e no investimento emigrante” referiu o candidato do MpD, lembrando que outrora Mosteiros tinha embarcações, pertencentes a armadores que faziam ligações regulares com o resto do país, sublinhando que “é preciso inspirar no passado glorioso para construir o futuro de um dos territórios mais ricos e promissores de Cabo Verde”.

A candidatura do MpD à Câmara dos Mosteiros preconiza como prioridade a construção do centro de Proteção Civil dos Mosteiros, que será uma referência no sul do país e que trará maior centralidade ao concelho. Tudo na perspetiva de ser fator gerador de interesse comercial, turístico e gerador de oportunidades, criando um ambiente político e social menos tenso, onde haja espaço para críticas, respeito pela diferença e exercício da cidadania.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project