LEITURA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Poetisa Glória Sofia vence prémio internacional de literatura “Le Occasioni” 09 Junho 2021

A poetisa caboverdiana Glória Sófia, uma das vencedoras na secção A, do 4º prêmio internacional de literatura “Le Occassioni”, na Itália, considera que esta distinção contribui na promoção da literatura cabo-verdiana.

Poetisa Glória Sofia vence prémio internacional de literatura “Le Occasioni”

Em declarações à Inforpress, a escritora adiantou que esta edição contou com a participação de mais de 660 poetas, dos quais 64 foram escritores estrangeiros, e manifestou “surpresa” com a distinção do trabalho apresentado “Eternal night with covid 19” (Noite eterna com covid-19).

Esta nomeação, de acordo com Glória Sófia, serve de incentivo e estímulo, salientando que se sente honrada pela oportunidade de levar a bandeira de Cabo Verde a outros cantos do globo através da literatura.

“Ser nomeado para um prêmio, às vezes faz sentido, outras vezes não tanto. Estou feliz por me sentir valorizada. Eu acho que todos nós que transformamos lágrimas em letras, deveríamos nos sentir reconhecidos pela nossa força de transpor os sentimentos que percorrem a nossa alma para os olhos dos outros”, declarou, conforme escreve a Inforpress.

Questionada o que a inspira a escrever, Glória Sofia afirmou que a poesia preenche o sentimento de vazio, a nostalgia e a vontade de estar mais próxima de si própria e dos seus anseios.

“A minha sede de aprender, sobretudo compreender as coisas moldáveis, aceitar a evolução da ausência dos sentimentos. Ter o poder nas minhas mãos que nem os pássaros dos poemas nos dedos e, ao mesmo tempo, ver o corpo de sol desmaiado aos meus pés, mas as vezes o nada também me inspira, isto quando tudo irrita-me”, expressou, citado pela mesma fonte.

A escritora disse ainda que recebeu o convite para participar no Festival Internacional “Noites de Poesia em Curtea de Argeş”, a realizar-se em Setembro deste ano, mas que devido a falta de financiamento, não será possível efectivar a sua participação.
Avançou, por outro lado, que já enviou dois livros de poesia para serem publicados e que o seu livro de conto está a ser revisado para posteriormente serem publicados.

“Já enviei dois livros de poesia para serem publicados. O meu livro de conto está a ser revisado pela poeta e escritora Maria Clara Costa, em relação ao meu livro infanto-juvenil está a ser ilustrado pelo ilustrador Alberto Fortes. E, por fim, estou a procura de motivação para terminar um romance, talvez eu precise regressar à minha terra para que isso aconteça”, declarou, de acordo a Inforpress.

De salientar que a primeira edição do prémio “Occassioni” foi realizada em 2018 e inspirada na segunda obra do poeta da Ligúria: “Le Occasioni”, sob a égide da associação cultural Mondo Fluttuante. A cerimónia oficial da entrega do 4º prêmio internacional de literatura “Le Occassioni” está marcada para 19 de Junho, na cidade de Alassio, Itália.

Percurso da autora

Gloria Monteiro, nasceu na cidade da Praia, em 1985. É licenciada pelo Departamento de Engenharia Mecânica e Gestão Ambiental dos Açores, Portugal. Publicou um total de cinco livros, mas já tem presença internacional em Letras, tendo participado em festivais de poesia na Romênia (2016), em Istambul (2017), na Macedónia do Norte e na Albânia (2018) e em Bangladesh (2020).

Em 2019 foi convidada pela University Harvard, Tufts University e Boston University para participar numa palestra sobre literatura e poesia. Representou Cabo Verde no oitavo Congresso de Literatura Portuguesa Galacidad La Paz Bolívia 2020.

Seus poemas foram musicados pelo cantor americano Brito e traduzidos para mais de 15 idiomas. Em 2020 foi premiado com o Prémio Unión Mundial de Poetas por la Paz Y la Libertad (UMPPL). “Glória Sofia escreveu o prefácio do livro “Florescer” da escritora Teresa Ruas e mais de duas dezenas de antologias internacionais. Desenvolveu várias atividades culturais, frequentando várias tertúlias poéticas, com poesias traduzida em mais de 15 línguas e em diversas revistas pelo qual destacam-se Azahar (Espanha), SÓN – tímarit um óðfræði (Islândia), DiVersos (Portugal), Lepan África e Statto (Brasil), entre outros”, escreve a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project