MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Estelionato: Polícia detém investidor lesado que matou empresário na sinagoga 24 Novembro 2021

O promotor imobiliário Eldad Peri, de 44 anos, foi assassinado com vários disparos, quando ia entrar na sinagoga de Rehovot, no centro de Israel a 20 km de Telavive. Esta segunda-feira, a polícia — após investigar mais de dois mil suspeitos — anunciou a detenção de um investidor de 64 anos.

Estelionato: Polícia detém investidor lesado que matou empresário na sinagoga

O suspeito é Daniel Keidar que, segundo a imprensa israelita, é um dos lesados num projeto imobiliário que foi à falência. O residente na vizinha cidade de Rishon Lezion (mapa) deslocou-se, no dia 15 de outubro, à sinagoga habitualmente frequentada às sextas-feiras por Eldad Peri.

A polícia, que desde a primeira hora seguia a pista da "vingança por questões de dinheiro", tinha anunciado que a vítima nunca se queixara de eventuais ameaças. O seu império derruiu segundo é habitual nos esquemas da pirâmide: só funciona enquanto há dinheiro a entrar, a cada novo investidor.

A investigação, que demorou cinco semanas, tinha uma lista de suspeitos que crescia à medida que a polícia entrava nos meandros da atividade empresarial do Eldad Peri Group, que o então jovem advogado fundou em 2004.


Estelionato e falência

Não se sabe em que momento a atividade empresarial do Eldad Peri Group passou a revestir-se do sistema Ponzi, que como é habitual promete avultado lucro — entre 10% e 50% — em investimentos de clientes no mercado imobiliário.

Mas o dinheiro do cliente — preso na rede bem entretecida de ilusões sempre renovadas de lucros astronómicos, e que Eldad Peri no início cumpria — passou a uma situação em que nem chegava a ser devolvido. Como é próprio do esquema da "pirâmide", o dinheiro do cliente que entrou paga o lucro do cliente que espera. Se não entra, bau bau o último fecha a porta, lesado.

— 

Fontes: Times of Israel/Haaretz. Relacionado: Brasil: Estelionatário Glaidson apanhado com R$ biliões, boa parte em casa — ’Golpe pirâmide’ com bitcoins, 07.set.021; Polícia encontra lista com 10 mil vítimas-alvos de bando de 5 estelionatárias, 14.jul.021; . Fotos: Eldad Peri na sinagoga que habitualmente frequentava às sextas-feiras. Na derradeira vez Eldad foi assassinado por um dos seus milhares de investidores lesados.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project