Presidenciais 2021

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

“População de Cabo Verde vai votar massivamente na minha candidatura” – Carlos Veiga 07 Outubro 2021

O candidato presidencial Carlos Veiga garantiu na noite de quarta-feira, na ilha do Sal, que vai ganhar as eleições de 17 de Outubro porque o povo de Cabo Verde vai votar de forma massiva na sua candidatura.

 “População de Cabo Verde vai votar massivamente na minha candidatura” – Carlos Veiga

“Desta vez vamos ganhar as eleições sem hipóteses de ser retirada a nossa vitória”, disse Carlos Veiga no comício nos Espargos, apoiado por uma vasta moldura humana, argumentando ter uma convicção “muito profunda” sobre o resultado do próximo pleito eleitoral.

Sempre com apelo na união de todos os cabo-verdianos, este aspirante ao Palácio Presidencial asseverou que “no dia 17 de Outubro é essencial votar em consciência, mas tendo sempre presente a necessidade de votar na candidatura que garanta” a estabilidade, para que o País não tenha qualquer período de problemas entre órgãos de governação.

O proponente da plataforma “Unir para avançar”, disse, por outro lado, que Cabo Verde deve tirar melhor proveito da sua situação geográfica, isto é, no cruzamento de rotas marítimas e aéreas, mas também no cruzamento de comunicações de telecomunicações internacionais, para tornar-se num País muito importante na senda internacional, visando o seu próprio desenvolvimento.

“Podemos ser uma plataforma internacional de serviços de grande valia no mundo inteiro”, alertou Veiga, ressaltando que Cabo Verde pode, perfeitamente, aproveitar as novas tecnologias para reduzir as distâncias entre ilhas, tendo aproveitado a sua mensagem para alertar aos jovens no sentido de agarrarem este novo mundo enquanto oportunidades para emprego e do desenvolvimento das suas competências.

Neste comício Carlos Veiga, que se definiu como o garante da Constituição, contou com um forte apoio do presidente da Câmara Municipal do Sal, Júlio Lopes, que disse ter usado da palavra, enquanto munícipe e cidadão, para incitar o apelo ao voto em Veiga, alegando ser o candidato melhor preparado e que por tudo quanto fez na história da democracia cabo-verdiana, há muito que merecia ser o Chefe de Estado.

Também a vice-presidente do MpD (uma das forças políticas que apoia esta candidatura) Janine Lélis fez uso do microfone para explicar as razões por que entende ser necessário que Carlos Veiga se torne no próximo presidente de Cabo Verde.

Neste oitavo dia de campanhas para as presidenciais, Carlos Veiga realiza contactos porta-a-porta na ilha do Sal, seguindo-se um comício esta tarde em Nova Sintra (Brava), para à noite realizar um novo comício, desta feita em São Filipe, na ilha do Fogo.

Nas presidenciais do dia 17 de Outubro, nos dois círculos eleitorais, nacional e estrangeiro, concorrem sete candidatos, nomeadamente Fernando Delgado, Gilson Alves, José Maria Neves, Carlos Veiga, Hélio Sanches, Casimiro de Pina e Joaquim Monteiro.

As últimas eleições presidenciais em Cabo Verde ocorreram no dia 02 de Outubro de 2016, com três candidatos (Albertino Graça, Jorge Carlos Fonseca e Joaquim Monteiro). Venceu Jorge Carlos Fonseca na primeira volta para um segundo mandato, com 74% dos votos. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project