SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Porto Novo: Autarquia prepara intervenções na rede de água nas zonas altas a passarem por situação de penúria 02 Outubro 2021

As populações das zonas altas da cidade do Porto Novo continuam a braços com falta de água para consumo, estando a edilidade porto-novense a preparar “intervenções” para socorrer as famílias, que estão privadas “há meses” do precioso líquido.

Porto Novo: Autarquia prepara intervenções na rede de água nas zonas altas a passarem por situação de penúria

Esta quarta-feira, segundo escreve Inforpress, o executivo camarário promoveu um encontro de ‘socialização’ das intervenções na rede de água nas zonas altas desta urbe, que vão ser realizadas juntamente com a empresa Águas de Ponta Preta, no âmbito da “directiva do Fundo do Ambiente”.

A autarquia, em nota de imprensa, reconhece que tem tido “diversas dificuldades” em levar água às zonas altas da cidade do Porto Novo, que vive “uma situação séria” neste aspecto, que decorre da “fraca qualidade” da actual rede de distribuição, já com 20 anos de existência.

São bairros situados na parte mais alta desta urbe, onde famílias passam por “uma situação dolorosa” em termos de abastecimento de água, devido a problemas na rede de distribuição, que é obsoleta e apresenta “muitas deficiências”, explica a autarquia.

No quadro do projecto de água e saneamento de Santo Antão, a cargo do Governo, o município do Porto Novo vai ser contemplado com uma nova rede de água, à volta de 25 quilómetros, para “resolver, definitivamente, o problema de distribuição de água” neste centro urbano, cita Lusa.

De imediato, a autarquia precisa de sete mil contos para socorrer as famílias, que passam por uma situação de penúria de água para consumo, verba destinada, essencialmente, à construção de uma reservatório para abastecer as zonas que se deparam com “problema sério” em matéria de abastecimento de água.

A Câmara Municipal do Porto Novo disse esperar que “ainda este ano” consiga implementar o projecto, no quadro do fundo do ambiente.

Para atenuar a crise de água nas zonas altas, avança a mesma fonte, a câmara tem auxiliado as famílias no transporte, gratuitamente, de água, mas a solução não está a ter o impacto desejado, já que muitas famílias não têm reservatórios, admite a edilidade.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project