SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Porto Novo: Covid-19 terá obrigado investidor a desistir dos investimentos de 70 mil contos nas pescas 14 Abril 2022

A empresa Viking Seafood SA, do norueguês Geir Eriksen, terá desistido dos investimentos que já tinham iniciado, antes da covid-19, no município do Porto Novo, em Santo Antão, alegando “dificuldades” criadas pela pandemia.

Porto Novo: Covid-19 terá obrigado investidor a desistir dos investimentos de 70 mil contos nas pescas

Um representante do investidor no Porto Novo confirmou à Inforpress, que o contrato entre a empresa e a Câmara Municipal do Porto Novo foi “de facto, cessado”, escusando-se, porém, a avançar detalhes sobre os motivos que terão levado a empresa a desistir dos investimentos, à volta de 70 mil contos.

Os investimentos, iniciados em finais de 2019, consistiam, mais exatamente, na remodelação e operacionalização da unidade de transformação do pescado na cidade do Porto Novo, que, desde a sua inauguração, em 2015, se encontrava fechada.

As obras de remodelação da unidade de transformação do pescado foram suspensas em 2020, numa altura em que os trabalhos já se encontravam em fase adiantada.

Viking Seafood SA, antes da pandemia, já tinha anunciado a intenção em alargar, “nos próximos anos”, os investimentos nas pescas no Porto Novo, que podiam chegar a um milhão de contos, segundo um protocolo assinado com a edilidade porto-novense.

Uma fonte da edilidade porto-novense admitiu, porém, à Inforpress que foi identificado um novo investidor para o projeto, ou seja, a remodelação da unidade de transformação do pescado e sua operacionalização, pelo que acredita que o empreendimento vai ser uma realidade.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project