ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Portugal: Sem Rússia, Mateus Rosé mantém volume com mais vendas em Inglaterra e em casa 05 Agosto 2022

Mateus Rosé é prestigiosa marca de vinhos e continua a sê-lo apesar do contexto crítico em que perdeu o importante mercado russo. A empresa produtora da "joia da coroa" vinícola portuguesa Sogrape afirma mesmo que graças ao "Rosé" teve em 2021 "o melhor ano de sempre", com vendas de 309,9 milhões de euros.

Portugal: Sem Rússia, Mateus Rosé  mantém volume com mais vendas em Inglaterra e em casa

O Mateus Rosé é vendido em mais de 100 países, o que o torna o mais internacional dos vinhos portugueses. Sem surpresa, o Reino Unido é o seu maior mercado, e em 2021 foram vendidas 3,6 milhões de garrafas. Em segundo, já não está a Rússia e Portugal ocupou essa posição, com três milhões.

"Significa que, a cada minuto, foram vendidas cerca de sete garrafas Mateus no Reino Unido e seis em Portugal", diz a Sogrape. A Rússia em 2020 comprara 3,2 milhões de garrafas, um aumento de 8,8% face ao ano anterior.

"O facto de não termos vendido uma única caixa para a Rússia em 2022 foi algo difícil, mas o crescimento dos outros mercados, nomeadamente Portugal, vai compensar a perda do volume na Rússia", acredita a administradora da Sogrape, Raquel Seabra.

Rosé tem fãs e há música para comemorar os 80 anos

Na base da fundação da Sogrape, em 1942, Mateus Rosé está a comemorar o seu 80.º aniversário, marco que assinalou com o patrocínio e "a presença massiva" no Rock in Rio e o lançamento de uma edição limitada de três garrafas dedicadas à música.

Cada uma das peças comemorativas tem o seu embaixador. Para a versão fado, a Gisela João. Para o rock o The Legendary Tigerman. Para a versão eletrónica é o Branko.

"Há grandes fãs da marca no mundo da música, como Elton John, Jimi Hendrix, Sting ou Amália Rodrigues, entre muitos outros, e conseguimos com a ligação à música mostrar a universalidade de Mateus. Além de que a música é um elemento de aproximação, de comunhão e celebração, e é uma forma de lembrarmos que Mateus vai bem com momentos de descontração e de amizade", explica a administradora da Sogrape.


Modernizar

A Sogrape orgulha-se dos 80 anos de sucesso da marca, uma "história notável, de crescimento constante" e "única ao nível da internacionalização" do "vinho português mais global". Um estatuto obtido dada a capacidade de se atualizar e acompanhar as tendências, enquanto mantém "os mesmos elementos de identidade" de sempre.

Em 2019, a substituição da tradicional garrafa verde por uma de vidro branco, mais "alta e elegante", contribuiu para uma imagem "mais moderna, apelativa e refrescante" da marca.

O lançamento de novos tamanhos e formatos é constante. Novos produtos, como o Mateus Rosé Aragonez, o Sparkling ou o Dry White. A mais recente aposta é o Mateus em lata, recentemente lançado na Bélgica e Suíça. "Estes foram os países escolhidos para a realização de um teste de mercado este ano. Queremos perceber a recetividade a este formato e até agora os resultados têm sido positivos, mas queremos avaliar melhor com os dados deste verão", lê-se no site.

Fontes: sogrape.com/fundaçaodemateus.pt/ ... Fotos: O Mateus Rosé é um caso estudável no universo mercadológico. A publicidade é uma das suas apostas e tem vindo a encontrar soluções interessantes, como esta que joga com várias componentes da atualidade desde a identidade jovem, a diferenciação genero-estratificada e ... até o acordo ortográfico (por que raio os hífenes neste composto e não em outros?)

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project