DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Xadrez: Fase Final do VI Campeonato Nacional Individual Absoluto 26 Novembro 2022

A Fase Final do VI Campeonato Nacional Individual Absoluto (CNIA) decorre de 7 a 11 de dezembro, na cidade da Praia. Uma competição que resulta da parceria entre a Federação Cabo-verdiana de Xadrez (FCX) e a Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF). E hoje sexta feira (25/11), às 18H00, foi efetuado um sorteio para a rodada dos confrontos entre os jogadores, com transmissão em direto na página de facebook da FCX.

Xadrez: Fase Final do VI Campeonato Nacional Individual Absoluto

Em nota que o A Semanaonline teve acesso hoje, o Campeonato terá a participação de oito jogadores selecionados de acordo com o Regulamento do CNIA-2022.

Seguindo também o regulamento, a competição será jogada no sistema Round-robin, ou seja, todos contra todos.

Conforme explica a fonte, para efetuar o emparceiramento serão utilizadas as tabelas de Berger, sendo sorteados os números a atribuir a cada jogador. No entanto, para que na última ronda não se realizem confrontos entre jogadores representantes do mesmo clube ou da mesma região desportiva, a FCX decidiu realizar o sorteio com recurso a dois potes; Potes com os nomes dos jogadores e Potes com números.

Haverá 2 potes com os nomes dos jogadores, distribuídos em POTE A—Contendo os nomes dos jogadores representantes da Praia; e POTE B—Contendo os nomes dos jogadores da ODERF e do Mindelense.

Nos potes dos números, serão colocados os números de 1 a 7.

A cada jogador serão atribuídos 90 minutos para efetuar 40 lances, acrescentando mais 30 minutos para terminar a partida, caso passem o primeiro controle. Por cada lance efetuado, cada jogador receberá 30 segundos de bonificação.

Para o pleno funcionamento da competição, a organização adverte aos espetadores, o cumprimento do regulamento, o mesmo imposto aos jogadores, em termos de fair play e de código de vestuário.

Neste sentido, em relação ao fair play, o regulamento proíbe a entrada na sala de jogo com qualquer dispositivo eletrónico não especificamente aprovado pelo Árbitro Chefe, mesmo que desligado.

Acrescenta a mesma fonte, que antes de entrar na sala de jogo os espectadores serão submetidos a um detetor de metais e a recusa desta vistoria implica a proibição de entrada no local de jogo.

Já no caso do vestuário, quem trajar com calções, calçar chinelos, usar chapéu, boné ou usar outra indumentária considerada imprópria, não terá acesso à área de jogo, mesmo que tenha credenciação para tal.

Lembrando que será a primeira vez que a capital do país acolhe a prova máxima do Xadrez Nacional, que irá decorrer na sede da Federação Cabo-verdiana de Futebol.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project