SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Criminalidade na Praia: PJ detém três suspeitos «perigosos» da prática de assalto à mão armada num estabelecimento comercial da Terra Branca 06 Dezembro 2019

A Polícia Judiciária acaba de deter dois supostos assaltantes à mão armada com violência sobre pessoas a um estabelecimento comercial de Terra Branca, na cidade da Praia. Revela a PJ que «os detidos, considerados indivíduos ’extremamente perigosos’ e que se dedicam à prática de crimes de roubo com violência sobre pessoas e de armas em diversas zonas da cidade da Praia, serão presentes, no tempo legal, às autoridades judiciárias competentes, para efeito dos primeiros interrogatórios judiciais e aplicação de medidas de coação pessoais».

Criminalidade na Praia: PJ detém três  suspeitos «perigosos» da prática de assalto à mão armada num estabelecimento comercial da Terra Branca

Em comunicado, a Polícia Judiciária (PJ) informa que, através da Secção de Investigação de Crimes Patrimoniais (SICP) – Brigada de Combate ao Banditismo, deteve, em cumprimento de mandados do Ministério Público, esta quinta-feira, 05, fora de flagrante delito, três indivíduos do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 17 e os 22 anos, residentes no bairro de Tira Chapéu, Praia. Todos são « suspeitos da prática, em co-autoria, de um crime de assalto à mão armada, ocorrido no passado dia 15 de Outubro, num estabelecimento comercial, na localidade da Terra Branca».

Para a prática dos crimes, os suspeitos terão feito, prossegue a PJ, uso de arma de fogo, obrigando a proprietária da firma a lhes entregar quantias em dinheiro da caixa registadora, telemóveis e uma mochila. Na posse dos objetos, os três assaltantes ter-se-ão posto em fuga do local do crime.

De acordo com a mesma fonte, na sequência das buscas efetuadas às residências dos suspeitos assaltantes, foram encontrados e apreendidos uma arma de fogo, de calibre, 6,35 mm, munições, telemóveis, facas, alicates e vestuários, que se presume terem sido utilizados no dia do assalto referido.

«Os detidos, considerados indivíduos ’extremamente perigosos’ e que se dedicam à prática de crimes de roubo com violência sobre pessoas e de armas em diversas zonas da cidade da Praia, serão presentes, no tempo legal, às autoridades judiciárias competentes, para efeito dos primeiros interrogatórios judiciais e aplicação de medidas de coação pessoais», conclui a PJ em comunicado remetido ao Asemanaonline. Foto: Arquivo

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project