SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Praia: SIAP considera de ilegal e abusivo, o despedimento dos seis trabalhadores das obras do Campus Universitário do Palmarejo Grande 21 Novembro 2019

Seis trabalhadores das obras do Campus Universitário da Uni-CV, no Palmarejo Grande, cidade da Praia, foram despedidos pela empresa chinesa responsável, medida que o Sindicato da Indústria, Agricultura e Pesca (SIAP), considera de ilegal, abusivo e de represália.

Praia: SIAP considera de ilegal e abusivo, o despedimento dos seis trabalhadores das obras do Campus Universitário do Palmarejo Grande

Conforme um dos trabalhadores despedidos, tudo terá começado numa altura exigiram um horário mais flexível e justo, reivindicação que não agradou o subempreiteiro da obra, que os mandou para casa, aguardando a reintegração.

Confiante na reposição dos seus direitos, o Presidente do SIAP, João Graça, garante que vai contatar a empresa e a Embaixada da China em Cabo Verde para negociar um consenso, no sentido de reintegrarem os trabalhadores, ora despedidos.

Tanto os trabalhadores como o Sindicato que os representa, consideram que o despedimento é ilegal, injusto e uma represália, pelo facto de terem reclamado o horário de trabalho. Deste modo, o SIAP exige que os trabalhadores sejam readmitidos nos seus postos de trabalho e, caso contrário, recorre às instâncias judiciais.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project