ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Praia acolhe segunda reunião de trabalho para elaboração da história da Luta de Libertação dos PALOP 27 Novembro 2022

A Cidade da Praia acolhe esta segunda-feira e durante dois dias, a segunda reunião metodológica das comissões de trabalho para a elaboração da história da Luta de Libertação dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP).

Praia acolhe segunda reunião de trabalho para elaboração da história da Luta de Libertação dos PALOP

De acordo com uma nota da Fundação Amílcar Cabral, organizadora do evento, vão participar da reunião investigadores (historiadores, sociólogos, antropólogos) da temática da Luta de Libertação dos cinco países de Língua Oficial Portuguesa.

Sob proposta do presidente da Fundação Amílcar Cabral, comandante Pedro Pires, concertada previamente com o Presidente da República de Angola, João Lourenço, a decisão da criação da equipa para a elaboração dessa história foi aprovada por unanimidade na conferência extraordinária dos Chefes de Estado dos PALOP em Abril de 2021.

“A decisão decorreu da necessidade de os principais protagonistas dessa História narrarem, em primeira pessoa, a gesta heróica e libertadora de seus povos, visando repor a verdade histórica, a qual vem sendo deliberadamente adulterada nos últimos tempos, na tentativa de branqueamento do que foi o doloroso domínio colonial”, esclareceu a fonte.

Para o resgate dessa memória recorrer-se-á, igualmente, à recolha de documentação existente nos vários arquivos, seja das instituições portuguesas, sobretudo dos arquivos da polícia política, como nos espólios de famílias, dos arquivos das organizações partidárias e dos arquivos pessoais dos vários protagonistas que participaram activamente na defesa da causa comum da libertação.

Isto porque, justificou a Fundação, a produção historiográfica disponível sobre esta temática, apesar de algumas iniciativas nacionais e regionais, sobretudo dos centros universitários, ainda é escassa, com a agravante de uma parte significativa da produção dada a estampa se revelar manifestamente tendenciosa, criando um viés histórico que convém ser devidamente esclarecido.

Elencou de entre os objectivos traçados, contribuir para uma nova abordagem epistemológica que actualize os conhecimentos sobre a temática, contribuir para a preservação, divulgação e conservação da memória da História da Luta de libertação dos PALOP.

No final espera-se com o projecto a publicação de três volumes da História sobre a Luta de Libertação Nacional dos PALOP, devendo o 1° volume abarcar o período que vai dos meados do séc. XIX aos meados do séc. XX.

Já o 2° volume será dedicado a Luta Armada propriamente dita, nas suas vertentes clandestina, armada e diplomática, enquanto o 3° volume deverá ser dedicado à história da Gestão das Zonas Libertadas pelos Movimentos que conduziram a Luta pela Independência dos PALOP.

De referir que a 1ª reunião metodológica das Comissões de Trabalho foi realizada em Luanda-Angola, no passado mês de Março.

Os trabalhos da Comissão decorrerão no Hotel Pérola, sendo que o acto de apresentação pública do projecto será no segundo dia, 29 de Novembro, às 09:00, contando com a presença do primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva. A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project