NOS KU NOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Criminalidade na Praia e no Sal: PJ detém uma mulher da guiné e nigeriano na posse de cocaína 30 Dezembro 2019

Prisão preventiva é a medida de coação pessoal que o Tribunal da Praia aplicou a uma cidadã de nacionalidade guineense, que foi encontrada, no Aeroproto Internacional Nelson Mandela, na posse de cerca um quilograma da cocaína. Já no Sal a PJ fez a detenção de um nigeriano, suspeito da prática de um crime de tráfico de estupefacientes- cocaína e outras drogas.

Criminalidade na Praia e no Sal: PJ detém uma mulher da guiné e  nigeriano na posse de cocaína

Referindo-se ao primeiro caso na Praia, a Polícia Judiciária informa que, através da Secção Central de Investigação de Tráfico de Estupefacientes, (SCITE) – Brigada Aeroportuária e no âmbito da prevenção ao tráfico por via aérea, deteve, na sexta-feira, 27, em flagrante delito, no Aeroporto Internacional Nelson Mandela, Praia, um indivíduo do sexo feminino, de 25 anos, natural da Guiné Bissau. Tudo por ter sido encontrada « na posse de setecentos e cinquenta e cinco gramas (755 gs) de cocaína, que transportava dissimulada na sua bagagem».

Segundo a mesma fonte, a mulher detida foi presente, no sábado, 28, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação pessoal, tendo lhe sido aplicado a Prisão Preventiva.

Em comuncado remetido ao ASemanaonline, a PJ revela,por oturo lado, que, no sábado, através do Departamento de Investigação da Polícia Judiciária do Sal (DICS) e na sequência do cumprimento de um mandado de busca e apreensão à uma residência em Santa Maria, apreendeu uma certa quantidade de produtos estupefacientes, designadamente cocaína, e alguns objetos. Uma poeração que resultou, segundo a mesma fonte, «na detenção, em flagrante delito, de um indivíduo do sexo masculino, de 36 anos, de nacionalidade nigeriana, suspeito da prática de um crime de Tráfico de Drogas».

O detido será presente, esta segunda-feira, 30, ao Tribunal da Comarca do Sal, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação - ao fecho desta edição desconhecia a decisão tomda.

Outros detidos por crime contra propriedade e violação da menor

Mas as atuações da Polícia Judiciária cabo-verdiana não ficam por aí. A institiuição informa, ainda, que foi aplicado Prisão Preventiva para o indivíduo suspeito de uma série de crimes contra património e TIR- Termo de Identidade e Residência, apresentação periódica einterdição de saída do país para um outro indivíduo suspeito de abuso sexual de menor e exibicionismo. Ambos suspetios foram detidos na sexta-feira, 27, no Sal, pelo DICS da PJ.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project