ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Presidência da República: Jorge Tolentino é novo Chefe da Casa Civil 04 Novembro 2021

Jorge Tolentino, jurista e diplomata de carreira, é o novo Chefe da Casa Civil da Presidência da República de Cabo Verde. Tolentino, que assumiu várias pastas no governo de José Maria Neves, deverá ser empossado no cargo logo depois da investidura do novo presidente eleito, José Maria Neves, prevista para 9 deste mês.

Presidência da República:  Jorge Tolentino é novo Chefe da Casa Civil

Jorge Tolentino, que estava a residir há cerca de dois anos nos Estados Unidos da América em regime de licena sem vencimento como quadro do MNE, é o escolhido de José Maria Neves para assumir a função de Chefe da Casa Civil da Presidência da República.

Natural de São Vicente, Tolentino é licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra e quadro de carreira do Ministério dos Negócios Estrangeiros. Amigo de longa data de José Maria Neves, Tolentino desempenhou, entre 2001 e 2016, várias funções no governo do PAICV, nomeadamente as de ministro da Defesa Nacional, dos Negócios Estrangeiros e da Cultura.

Segundo fontes próximas do novo Presidente da República, Jorge Tolentino deve ser empossado como chefe da Casa Civil logo depois da investidura de José Maria Neves, prevista para 9 deste mês numa sessão especial da Assembleia Nacional.

Seis chefes de Estado confirmam presença na tomada de posse de JMN

Segundo as fontes deste jornal, pelo menos seis chefes de estado já confirmaram a sua presença na investidura do novo Presidente da República de Cabo Verde, que decorrerá a partir das 10 horas do dia 9 deste mês, na Praia, numa sessão especial da Assembleia Nacional.

A nível da Lusofonia, está confirmada a participação de Marcelo Rebelo de Sousa (Portugal), João Lourenço (Angola), Umaro Sissoco Embaló (Guiné Bissau) e Teodoro Obiang (Guiné Equatorial). Está também confirmada a presença dos presidentes de Senegal ( Macky Sall) e do Gana ( Nana Akufo-Addo ), que é também presidente em exercício da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental ( CEDAO).

Além dos referidos estadistas, o Brasil, segundo A Nação, far-se-á representar pelo seu vice-presidente da República, Hamilton Mourão. Ainda do Brasil virá Carlos Ivan Simonsen Leal, presidente da Fundação Getúlio Vargas, escola superior onde José Maria Neves se formou em administração pública, na década de 1980. Revela a mesma fonte que a França também não quis ficar de fora da posse do novo presidente de Cabo Verde. Paris far-se-á representar pela ministra da Igualdade de Género, a franco-cabo-verdiana Elisabeth Moreno.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project