LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Presidente da Guiné-Bissau realiza sua primeira visita oficial a Cabo Verde a partir do dia 08 de julho 03 Julho 2021

O Presidente da República da Guiné-Bissau, Sissoco Embaló, visita Cabo Verde de 08 a 11, a convite do seu homólogo Jorge Carlos Fonseca, soube hoje a Inforpress junto de uma fonte da Presidência da República.

Presidente da Guiné-Bissau realiza sua primeira visita oficial a Cabo Verde a partir do dia 08 de julho

Segundo escreve a Inforpress, é a primeira visita oficial do chefe de Estado bissau-guineense ao arquipélago e acontece em retribuição à do Presidente Jorge Carlos Fonseca, que esteve na Guiné-Bissau em Janeiro último.

Esta visita de Sissoco Embaló acontece, segundo alguns observadores, num momento de “forte reforço das relações” entre os dois países e, também, antes da cimeira da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), previsto para os dias 16 e 17, em Luanda, Angola.

Em Março, avança a mesma fonte, a ministra dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Internacional e das Comunidades da Guiné-Bissau, Suzy Barbosa, durante uma visita a Cabo Verde, assinou com o seu homólogo cabo-verdiano, Rui Figueiredo Soares, alguns acordos, nomeadamente nos sectores da diplomacia, comunicação social, agricultura e energias renováveis.

Na ocasião, o chefe da diplomacia cabo-verdiana enalteceu os “importantes acordos”, entendendo que é “um sinal inequívoco” do estreitamento das relações históricas entre os dois países.

Segundo a mesma fonte, por sua vez, a chefe da diplomacia guineense considerou, na altura, que os acordos assinados são “importantes instrumentos de cooperação“, que vieram reforçar ainda mais as relações políticas e diplomáticas entre os dois estados, considerados “irmãos”.

Suzy Barbosa notou que a recente abertura da embaixada de Cabo Verde na Guiné-Bissau é a prova da “vontade inequívoca” da intensificação das relações político-diplomáticas.

A Embaixada da Guiné-Bissau em Cabo Verde estima que perto de 10.000 guineenses vivem e trabalham em Cabo Verde, mais de metade em situação irregular ou sem documentos, apesar das tentativas para legalização, em 2011 (só para guineenses) e 2015 (geral).

Cabo Verde e Guiné-Bissau são dois países da África Ocidental irmanados por uma luta de libertação nacional conduzida por Amílcar Lopes Cabral, que levou à independência dos dois estados.

A Guiné-Bissau fica situada na costa ocidental da África, com um território de 36.125 quilómetros quadrados. Faz fronteira a norte com o Senegal, a este e sudeste com Guiné-Conacri, e a sul e oeste com o oceano Atlântico. Além do território continental, integra ainda mais de oitenta ilhas que constituem o Arquipélago dos Bijagós.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project