MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Príncipe foi livrar aldeãos da ameaça de urso — Fúria de ecologistas da UE põe-no no ’banco de réu’ 07 Maio 2021

Para os aldeãos foi um alívio a notícia da morte durante uma caçada do espécime ursídeo, uma ursa, que estava a deixar um rasto de destruição em várias quintas em Ojdula, no distrito de Covasna, na Roménia. Mas para o caçador, o príncipe Emanuel, neto do soberano do Liechtenstein, esse ato digno das legendas antigas é o princípio de um processo penal movido por duas organizações ambientalistas que o acusam de matar "Arthur", de 17 anos, o maior urso da Roménia e um dos maiores da União Europeia.

Príncipe foi livrar aldeãos da ameaça de urso  — Fúria de ecologistas da UE põe-no no ’banco de réu’

A AP-Associated Press confirma a emissão ao príncipe de uma licença de caça, paga com sete mil euros (c.800 contos) e válida por um período de quatro dias.

Mas o busílis da questão é que a licença era para caçar a ursa (sem nome) e o príncipe Moritz Emanuel Maria de Liechtenstein, nascido em 27 de maio de 2003, em Londres, neto do príncipe soberano Hans-Adam, caçou em 13 de março o urso Arthur, identificado com nome e tudo e certificado de proteção pela ONG Agent Green.

Segundo a queixa em que são autoras as duas ONGs, "o urso Arthur foi observado durante muitos anos por um membro da Agent Green em toda aquela área e era conhecido por ser um animal que não estava habituado à presença humana e vivia nas profundezas da floresta".

"Ficou claro que o príncipe não veio por causa dos problemas dos habitantes locais, mas sim para matar aquele urso e levar para casa o maior dos troféus", considerou Gabriel Paun, o presidente da Agent Green em declarações à AP.

A única foto conhecida do urso Arthur foi obtida em 2019.

Fontes: Associated Press / Euronews. O Principado fica situado entre a Suíça e a Alemanha e confina com a Itália a Sul.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project