ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Produção na construção civil aumenta em 16,5% no quarto trimestre do ano passado 27 Mar�o 2018

A produção na construção civil caboverdiana aumentou 16,5% no quarto trimestre do ano de 2017, em comparação com mesmo período do ano de 2016, segundo dados divulgados hoje,26, pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) de Cabo Verde. Já a taxa de variação trimestral do índice de produção na construção civil fixou-se, no 4º trimestre de 2017, em -9,2%, valor inferior em 15,1 pontos percentuais face ao registo no trimestre anterior.

Produção na construção civil  aumenta em 16,5% no quarto trimestre do ano passado

De acordo com o Índice de Produção na Construção Civil , no 4º trimestre de 2017, todos os grupos de materiais de construção civil contribuíram para o aumento da produção na construção civil.

Segundo a INE, os “Materiais de base” (22,9%). o aumento da produção, nesta categoria, justifica-se, principalmente com o aumento da produção do “Cimento” (19,4%), do “Ferro” (76,9%), da “Areia” (17,5%) e das “Emulsões” (29,6%).

“Materiais de eletricidade” (10,5%): o au-mento da produção, nesta categoria, se deve principalmente ao aumento da produção de “Fio 2,5 mm” (24,5%), de “Fio 1,5 mm” (33,3%) e de “Fio 4 mm2” (92,5%).

“Materiais de revestimento” (6,1%): o aumento da produção, nesta categoria, justifica-se, com o aumento da produção de “Mosaico” (38,2%) e de “Granito” (1,5%).

Já os “Materiais de pintura” (2,1%)%): o aumento da produção, nesta categoria, resulta principalmente com o aumento da produção de “Tinta de água para interior” (9,4%), de “Tinta de água para exterior” (5,7%) e de “Tinta de óleo” (3%).

No período em análise, o índice de produção dos “Materiais de revestimento” situou-se em 108,7 tendo conhecido um acréscimo de 6,1% relativamente ao trimestre homólogo.

Ainda no período em análise, o índice de produção dos “Materiais de pintura” fixou-se em 217,1, tendo conhecido um acréscimo de 2,1% relativamente ao trimestre homólogo.

Variação Trimestral: -9,2%

Em sentido contrario, registaram-se diminuição de produção de maior relevância nos seguintes grupos de materiais: “Materiais de base” (-11,4%), “Materiais de canalização e instalação sanitária” (-13,8%), “Materiais de revestimento” (-8,0%) e “Esquadria” (-8,3%).

Registou-se também aumento na produção, em termos trimestrais, de “Materiais de eletricidade” (1,1%), “Outros materiais de construção” (5,7%) e “Materiais de pintura” (0,3%).

No 4º trimestre de 2017, o índice de produção dos “Materiais de base” fixou-se em 75,3, tendo conhecido um decréscimo de 11,4%, relativamente ao trimestre anterior.

Inquérito Índice de produção na construção civil (IPCC) é uma investigação estatística periódica que se realiza com o propósito de avaliar e analisar a evolução das principais variáveis económicas das empresas que se dedicam, principalmente, a atividades de construção. O Índice de produção na construção civil é um índice de Laspeyres base 100 em 2012.

É um índice calculado utilizando como proxy os materiais utilizados nas construções por ser um sector de atividade em que se utiliza constantemente esses materiais. É calculado a partir de 80 produtos de construção civil, recolhidos nas empresas do ramo do comércio, indústria e construção civil, nas ilhas de Santiago, São Vicente e Sal.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project