AMBIENTE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Quénia: Atentado ambiental com extermínio de 2 únicas girafas leucísticas 28 Abril 2022

A girafa branca April, tão rara e por decreto ’espécie protegida’ nos parques conservacionistas do Quénia, tornou-se símbolo da esperança da sobrevivência quando em 2017 deu à luz uma cria. Mas esta quarta-feira, a mãe e a cria foram encontradas mortas. Um atentado ambiental perpetrado ou por caçadores furtivos ou por terroristas do Al-Shabab, segundo o ’Deutsche Welle’.

 Quénia: Atentado ambiental com extermínio de 2 únicas girafas leucísticas

As girafas, do genus Giraffa Camelopardalis com várias espécies espalhadas pela África Subsaariana, mas são extremamente raras as de pele branca . A cor da pele/pelo deve-se a uma condição genética, o leucismo que se carateriza pela ausência de células produtoras de pigmentação epidémica.

O leucismo impede a coloração da pele, mas não dos olhos — que se mantêm escuros. Distingue-se assim do albinismo, cujos afetados têm os olhos cor-de-rosa.

Sobreexploação que leva a extermínio de recursos naturais

A sobreexploação de recursos naturais atenta contra os ecossistemas. Pode assumir a forma de pesca intensiva em espaços nacionais vulneráveis (por incapacidade de proteger o seu mar) invadidos por embarcações tecnologicamente mais avançados. Tantos, tantos pescadores desaparecidos no mar de Santo Antão à Ilha Brava/Djabraba, como este online regista.

A economia nacional em frágeis botes da pesca tradicional a competir inequitativamente — mesmo quando se criam leis bem intencionadas nos centros do poder, como no exemplo: "Tudo o que vem na rede é peixe" contado, diz lei da União Europeia contra desperdício , 03.jan.022.

Leis bem intencionadas mas cuja aplicação é dificultada pelo poder do dinheiro ou a debilidade da investigação, como no exemplo: Tanzânia: Cidadã da China ‘Rainha do marfim’ condenada a 15 anos de prisão, 23.fev.019. A ‘Rainha do marfim’ que chegou à Tanzânia nos anos de 1970 só em 2016 foi "apanhada" — poque o poder do dinheiro é "aliado" da corrupção.

Fontes: DW.de/National Geographic/AP/Reuters/Washington Post. Foto: Crime perpetrado por caçadores furtivos ou por terroristas do Al-Shabab, a morte dos dois únicos exemplares da subespécie do genus Giraffa inscreve-se numa linha de atentados à Natureza que ameaçam o ecossistema — o que um dia atingir-nos-á de modo mais direto.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project