SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Rede de educação promove campanha para celebrar o Dia Internacional da Educação 24 Janeiro 2023

A Rede Nacional de Campanha Educação para Todos (RNCEPT) inicia hoje uma campanha sob o lema “Mais financiamento na educação” e “100% das crianças no pré-escolar” para celebrar o Dia Internacional da Educação em Cabo Verde.

Rede de educação promove campanha para celebrar o Dia Internacional da Educação

A informação foi avançada à Inforpress pelo coordenador da RNCEPT, Abrão Borges, que explicou que as actividades vão ocorrer em várias escolas do País, de sensibilização para que todas as crianças frequentem o ensino pré-escolar e que haja “maior inclusão” das crianças com deficiências no ensino normal.

O coordenador nacional da RNCEPT considerou que o Dia Mundial da Educação é comemorado ao longo do ano, porque trabalham para promover o papel da educação para a paz e o desenvolvimento, sempre ao longo do ano.

“Para este ano temos essa campanha porque deparamos que nos anos anteriores cerca de 0,1% que era o financiamento para o pré-escolar e aí estamos a voltar a fazer o estudo para vermos até que ponto o pré-escolar está sendo valorizado em termos do seu funcionamento”, explicou.

O responsável frisou ainda que a rede encontra-se a promover uma campanha televisiva sobre o trabalho infantil e abandono escolar, para sensibilizar a população para que todas as crianças estejam nas escolas.

Esta campanha, segundo a mesma fonte, tem sido feita igualmente nas escolas e ONG, e vai se fazer também nas ruas, de modo que as comunidades sejam mais desenvolvidas na educação dos seus próprios filhos, porque “não há escolas sem que ela esteja voltada para as comunidades”.

Para este ano, conforme Abraão Borges, a rede vai continuar a abordar o reforço das formações para as monitoras do pré-escolar e também a formação contínua dos professores, pois tudo o que se almeja, continuou, é que o Governo tenha em conta a questão da motivação dos professores e a valorização dos mesmos.

A mesma fonte afirmou ainda que embora o Governo tenha facilitado com a isenção das propinas para todos os níveis de ensino, desde o pré-escolar ao ensino superior, ainda se deparam problemas a nível dos transportes e da acessibilidade.

Por outro lado, o coordenador nacional do RNCEPT avançou que a rede trabalha para que o Governo assuma definitivamente o ensino pré-escolar e o inclua no sistema normal de ensino, sobre a responsabilidade do próprio Ministério da Educação e não das câmaras municipais, pelo menos um ano antes de entrar no ensino básico.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project