INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Afeganistão-Retaliação de atentado: "Cérebro" morre em ataque de drones dos EUA 28 Agosto 2021

A crer na imprensa internacional da referência, a prometida retaliação aconteceu menos de quarenta e oito horas após o atentado que vitimou centenas de pessoas no aeroporto de Cabul/Kabul. O Pentágono anunciou sábado que o cabecilha do atentado-suicida foi atingido por um drone na província de Candaar/Kandahar, a sudoeste da capital afegã. Horas depois, os media’ noticiam que um "segundo dirigente terrorista" também morreu num ataque de drones.

Afeganistão-Retaliação de atentado:

O ramo paquistano-afegão do Estado Islâmico ou Daesh — designado ISIS-K ou IS-K, K da província histórica de Khorasan (que incluía Afeganistão e Paquistão) — teve quatro líderes entre 2016 e 2020 eliminados em ataques de mísseis dos Estados Unidos: o fundador emir Hafiz Saeed Khan, durante um ataque em Nangarhar, Afeganistão em 26 de julho de 2016; o emir Abdul Hasib atingido em abril de 2017; Abu Sayed atingido em julho de 2017; Abu Saad Orakzai atingido em agosto de 2018.

O novo líder (1ª foto, ao alto) Al-Shahab al Mujahid está no cargo desde junho do ano passado. Mas até esta não foi divulgada a identidade do "cérebro por trás do atentado" desta quinta-feira que matou pelo menos cento e setenta pessoas.

Fontes: Washington Post/AP/CNN/Le Figaro/BBC. Fotos(Getty): 170 vítimas mortais, centenas de hospitalizados. Estado Islâmico desafeto dos talibãs reivindica autoria dos atentados. Os Estados Unidos no sábado terão cumprido a retaliação que o presidente Biden prometeu : "Não perdoaremos, não esqueceremos, vamos caçar-vos e vão ter de pagar".

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project