ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Retoma: Banco Mundial aberto a fazer ajustes nos programas previstos para Cabo Verde 23 Setembro 2021

A representante do Banco Mundial em Cabo Verde, Eneida Fernandes, disse esta quarta-feira que a organização está aberta a fazer ajustes nos programas previstos para Cabo Verde nesta retoma das atividades no período pós-pandemia. Turismo e da economia azul são os setores que se quer ter um “olhar mais específico”, principalmente as ilhas que vão trazer mais turistas de imediato. Os dois setores são objetos do próximo projeto que o Banco Mundial quer negociar com o Governo.

Retoma: Banco Mundial aberto a fazer ajustes nos programas previstos para Cabo Verde

Conforme a Inforpress, Eneida Fernandes fez estas declarações à imprensa à margem de uma visita que efectuou na manhã de hoje ao Núcleo Operacional da Sociedade de Informação (NOSi-EPE).

“O Banco Mundial tem já definido um programa com o Governo de Cabo Verde de 5 anos, eu acho que a gente ajustou um pouco o programa neste contexto da pandemia, mas focando nas mesmas áreas prioritárias que são as de capital humano, protecção social, do digital, a questão do sector privado e de energias renováveis”, disse.

A representante afirmou ainda que nesta retoma vai-se ter um “olhar mais específico” nos sectores do turismo e da economia azul que, aliás, são objectos do próximo projecto que o Banco Mundial está a negociar com o Governo.

“Estamos agora em discussão com os ministérios do Turismo e da Economia Azul, mas também das Infra-estruturas para definir o projecto. Tem um valor aproximado de 30 milhões de dólares e vai incidir sobre áreas que irão trazer um retorno económico ao País em mais curto espaço de tempo”, ressaltou.

Eneida Fernandes informou ainda que o mesmo irá se direccionar às ilhas que vão trazer mais turistas de imediato, para que haja mais retorno para o País.

“Agora é uma questão de aceleração. Várias dessas áreas tiveram um atraso na implementação no mundo inteiro por conta da pandemia, acho que agora é sentar e levar adiante os programas que já estavam previstos e onde precisar de ajustes o banco está aberto em trabalhar com o Governo para fazer esses ajustes”, finalizou.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project