DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Rui Águas da seleção de Cabo Verde para o Santos, Brasil 28 Dezembro 2019

O selecionador dos Tubarões-Azuis deixou a seleção nacional de Cabo Verde e vai para o Brasil como adjunto de Jesualdo Ferreira (ambos na foto inserida) que assinou contrato de um ano, a iniciar em janeiro, com o Santos FC, a equipa da cidade portuária do estado de São Paulo.

Rui Águas da seleção de Cabo Verde para o Santos, Brasil

Alguns previam-lhe um futuro sombrio quando a 22 deste mês a FCF-Federação Caboverdiana de Futebol anunciou que Rui Águas pediu a desvinculação de selecionador nacional.

No domingo, perguntava-se por aqui o que iria Águas fazer: Treinar uma equipa de terceira em Portugal? Fazer uns biscates de comentador no canal televisivo do seu antigo clube, o Benfica?

Esta semana já se sabe que Rui Águas, de 59 anos, estará em janeiro no Brasil com Jesualdo Ferreira, de 73 anos, que no dia 22 assinou contrato com o Santos. Leva consigo Rui Águas que foi seu adjunto no Sporting de Braga por três temporadas, de 2002 a 2006.

"Seja bem-vindo, professor!"

Da Arábia para a América: Jesualdo Ferreira esteve de 2015 a 2019 no Qatar onde treinou o Al-Sadd, equipa campeã na temporada 2018-19. Ruma agora ao Brasil, com a promessa de formar uma grande equipa no Santos, para poder lutar pela conquista de títulos.

A diretoria do Santos confirmou na segunda-feira a contratação do técnico Jesualdo Ferreira até o fim de 2020 para dirigir a equipa após a partida do argentino Jorge Sampaoli.

"Seja bem-vindo, professor!", anunciou o clube paulista nas redes sociais, sobre o técnico que se estreia num clube da América do Sul aos 73 anos, idade com que planeava reformar-se. Ao invés da reforma, Jesualdo Ferreira vai renovar o Santos rumo às vitórias, promete.

Fontes: RTP/A Bola.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project