INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Rússia-Caso Dugina: 2º suspeito do atentado 29 Agosto 2022

O FSB, organismo de segurança e inteligência russa, anunciou hoje o nome do segundo suspeito envolvido no atentado que no dia 20 vitimou Darya Dugina. "O nacional ucraniano Bogdan Tsyganenko auxiliou a principal suspeita, Natalya Vovk, a montar a bomba, deu-lhe documentos e matrículas de carro falsos".

Rússia-Caso Dugina: 2º suspeito do atentado

Segundo o comunicado do FSB, o suspeito Bogdan Tsyganenko (foto ao alto), de 44 anos, entrou na Rússia pela fronteira da Estónia no dia 30 de julho e deixou o país no dia 21 de agosto, consumado o atentado na véspera. (Há porém versões vídeo que mostram Tsyganenko a passar a fronteira com a Estónia a 19 de agosto.)

Segundo a fonte, foi Bogdan Tsyganenko quem em Moscovo auxiliou a principal suspeita, Natalya Vovk (foto à d.ta), de 43 anos, a montar a bomba. Também é referido que foi ele a entregar-lhe documentos e matrículas de carro falsos para deixar a Rússia no mesmo dia do atentado.

A agência nacional russa TASS noticia que Tsyganenko vai constar da lista de pessoas que a polícia russa procura: "O cidadão ucraniano Bogdan Petrovich Tsyganenko, nascido em 1978, suspeito do atentado que matou Darya Dugina,vai constar da lista de pessoas que a polícia russa procura", disse a fonte oficial russa.

Facto ou fake?

A maior parte dos media ocidentais põem em dúvida a narrativa do FSB. Consideram mais verosímil que o atentado tenha sido cometido por opositores do Kremlin (Rússia: Grupo anti-Putin reivindica atentado fatal à Darya Dugina —Kremlin formaliza acusação à Ucrânia, 22.ago.022).

Fontes: RT.ru/Tass.ru/AP/BBC/ansa.it/Osservatore Romano... Relacionado: Caso Dugina: Papa "dececiona" Ucrânia, 27.ago.022; Rússia: Filha de mentor de Putin morre em explosão de carro armadilhado, 21.ago.022: Rússia: Dugin hospitalizado após morte da filha em explosão de carro armadilhado, 22.ago.022. Fotos: "Ideólogo de Putin" Alexsandr Dugin; a filha Darya que "a Rússia chora" e o Kremlin glorifica como "mártir da pátria" no dia das exéquias, na terça-feira 23.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project