CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Sal/Denúncia de mau atendimento no Hospital de Espargos e Centro de Saúde de Santa Maria: Cidadão revoltado teve que recorrer ao serviço do setor privado 28 Novembro 2021

Um cidadão da ilha do Sal procurou o Asemanaonline para acusar o Hospital Regional dos Espargos e Centro de Santa Maria por aquilo que considera ser a falta de respeito e de atenção pela saúde humana. É que, de acordo com o paciente, tinha marcado uma radiografia (Ray-X) do tórax, no Hospital Regional de Espargos, para quarta-feira, 24, mas ao contatar os serviços de atendimento, lhe garantiram que não há técnico que pudesse fazer tal serviço. Revoltado e descontente com a situação, o denunciante teve que recorrer ao Centro de Saúde de Santa Maria, que também não o satisfez o mesmo pedido - foi forçado a procurar o mesmo serviço numa clínica privada. Entretanto, o Delegado de Saúde, José Rui Moreira, promete contatar o Hospital e Centro de Saúde referidos para averiguar o que terá acontecido com o paciente em causa, para poder depois agir, conforme os procedimentos legais.

Sal/Denúncia de mau atendimento no Hospital de Espargos e Centro de Saúde de Santa Maria: Cidadão revoltado teve que recorrer ao serviço do setor privado

O cidadão, que preferiu anonimato para evitar represálias e humilhações, contou a este diário digital para denunciar que procurou o Hospital de Espargos para o atendimento, por volta das 08:00 da última quarta-feira, mas que só que foi atendido às 11:00 horas, sem quaisquer resultados acerca da radiografia do tórax (Ray-X) que tinha marcado anteriormente.

“O meu maior espanto aconteceu quando fui atendido no Hospital de Espargos, em que me disseram que naquele momento não havia pessoa capaz (Técnico) que me pudesse fazer a Radiografia (Ray-X) do tórax. Contudo, antes eu já tinha marcado esta consulta, mas ninguém me contatou para informar quando pudesse efetuar essa radiografia”.

Indignado com esta situação, o denunciante conta que dirigiu-se, no mesmo dia, ao Centro de Saúde de Santa Maria para tentar fazer esse exame do tórax, mas não foi possível. É que, segundo ele, também argumentaram que “não há possibilidades de realizar ali a Radiografia naquele momento».

“Infelizmente, com essa forma de atendimento, senti-me obrigado a procurar uma Clínica privada, que me marcaram a radiografia do tórax na quinta-feira,25. Aqui na ilha do Sal, muitos que trabalham no setor de Saúde não dão atenção devida aos pacientes e desrespeitam a saúde e a dignidade da pessoa humana”, denuncia a mesma fonte.

Diante de tudo isto, o denunciante apela às autoridades ligadas ao setor de saúde em Cabo Verde para que tomem as devidas medidas e providências no sentido de se pôr cobro a determinadas formas de atendimento nos hospitais do país que, segundo o mesmo, “deixa muito a desejar”.

Delegado de Saúde anuncia averiguar o caso e tomar medidas

Ouvido por este jornal sobre as denúncias em causa, o Delegado de Saúde do Sal, José Rui Moreira, garantiu ao Asemanaonline que todas as consultas, inclusive as de radiografias, devem ser marcadas e que ao cidadão/paciente é facultado um documento ou recibo que comprove o dia e hora da consulta, seja ela no Hospital de Espargos, seja ela no Centro de Saúde de Santa Maria.

“Entretanto, em caso de urgência, qualquer um poderá fazer consulta ou radiografia, desde que o seu médico lhe autorize, através de um documento, a fazê-la no mesmo dia de atendimento. Mais: mesmo que um cidadão se dirija a uma Clínica privada, o médico atendente poderá reencaminhá-lo para o Hospital público ou para o Centro de Saúde de Santa Maria, desde que não tenha condições financeiras para custear as despesas de consulta privada”.

Para relembrar, José Rui torna público que as pessoas que queiram marcar consultas deverão dirigir-se ao Hospital de Espargos ou ao Centro de Saúde de Santa Maria, das 08:00 às 15:00 horas.

“Neste caso em apreço, o denunciante deveria apresentar o documento de marcação de Radiografia e exigir que o Hospital lhe atenda condignamente. Aliás, devo adiantar que o técnico responsável pela Radiografia, encontra-se de convalescença por uns dias, só que o atendedor deveria remarcar a consulta do paciente ou encaminhá-lo para o Centro de Saúde, que também tem um outro técnico disponível para proceder às radiografias solicitadas. Entretanto, vou contatar o Hospital e averiguar o que terá acontecido com o paciente, para poder agir, conforme os procedimentos legais”, promete o Delegado de Saúde na ilha mais turística de Cabo Verde.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project