CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Sal: Ilha abre portas para acolher grandes eventos regionais e continentais 29 Dezembro 2021

A Conferência Económica Africana, a 64ª Reunião da Comissão Regional da Organização Mundial do Turismo (OMT) para África e a Conferência sobre Mudanças Climáticas e Desenvolvimento em África, destacam-se como os maiores eventos realizados no Sal em 2021.

Sal: Ilha abre portas para acolher grandes eventos regionais e continentais

A Conferência Económica Africana, promovida pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), Comissão Econômica das Nações Unidas para a África (UNECA) e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), decorreu em formato híbrido durante três dias, de 2 a 4 de dezembro, num dos hotéis de Santa Maria.

O evento reuniu chefes de Estado e outras autoridades de vários países africanos, especialistas das áreas económica e financeira, académicos e investigadores africanos para promover uma recuperação mais inclusiva e sustentável do impacto da pandemia de covid-19.

A Conferência Económica Africana centrou-se, este ano, no repensar os modelos e mecanismos de financiamento para dotar os países do continente de soluções inovadoras, nomeadamente soluções intra-africanas, para apoiar a recuperação da pandemia de covid-19 e o desenvolvimento acelerado em África.

Na ocasião, o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, asseverou que a Conferência Económica Africana permitiu “conclusões claras” sobre como deverão ser os caminhos que a África deve seguir, sendo fundamental uma “liderança forte” para superar os desafios.

Ainda neste mesmo ano, a ilha do Sal acolheu a Conferência sobre Mudanças Climáticas e Desenvolvimento em África a qual decorreu de 13 a 17 de setembro, com “reuniões de alto nível”, contando com a participação de ministros africanos responsáveis pelos sectores do Ambiente, Clima e Desenvolvimento Económico.

Foi uma oportunidade de discutir com especialistas de outros países com experiências iguais, mas também diferentes, na medida em que as alterações climáticas estão a ser sentidas em todo o mundo, por toda a população.

Segundo os participantes, esta conferência permitiu identificar os problemas, ter uma visão geral dos problemas, beneficiando África e Cabo Verde em particular.
O Sal foi igualmente palco da 64ª Reunião da Comissão Regional da OMT para África, que decorreu durante dois dias, 2 a 4 de setembro, num dos hotéis da cidade de Santa Maria, evento internacional de turismo, que diz respeito a toda a África.

Este evento contou com a presença de cerca de duas centenas de participantes, designadamente ministros do turismo do continente africano, investidores, e instituições financeiras internacionais, altos dirigentes e especialistas do sector público e privado e demais “stakeholders” do turismo.

A ilha acolheu ao mesmo tempo, a segunda edição do Fórum Mundial sobre o Investimento Turístico em África (FMITA), que decorreu paralelamente à 64ª Reunião da Comissão Regional da OMT para África.

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, manifestou na ocasião, a determinação do Governo em construir “períodos alargados e sustentáveis de bonança” depois da tempestade” covid-19.

Destacando que África é um continente “com um potencial turístico enorme”, o chefe do Governo defendeu que é preciso juntar a esse potencial turístico, segurança, serviços de qualidade, e boas conectividades de transportes, telecomunicações e Internet.

Depois de um ano de 2020 com a ilha praticamente paralisada, em 2021 houve uma dinâmica diferente com os hotéis a reabrirem, a reintegrarem trabalhadores, na sequência da chegada de turistas, marcando assim a retoma no sector turístico.

Outro evento que marcou o ano tem que ver com a inauguração, em plena pandemia de um dos maiores hotéis da ilha, o hotel RIU Palace Santa Maria com 1.001 quartos.

Outras notícias menos boas também marcaram a atualidade noticiosa na ilha do Sal como são alguns casos de denuncias de agressão sexual de crianças e o mais recente caso de Eliane de 13 anos, que foi encontrada morta supostamente depois de sequestrada, violada sexualmente e assassinada.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project